Museu Câmara Cascudo celebra a Semana do Meio Ambiente com live e o lançamento de materiais pedagógicos

Interessante para quem gosta de folclore - Avaliações de viajantes - Museu  Câmara Cascudo - Tripadvisor
Foto copiada da Internet

O Dia Mundial do Meio Ambiente já passou, mas o Museu Câmara Cascudo (MCC) está apenas começando as celebrações para marcar o dia 05 de junho, data criada para chamar à atenção para os cuidados com a vida do planeta Terra. A programação começou nas redes sociais ainda no fim de semana, mas segue até a sexta-feira (11), em uma parceria dos setores Educativo e Cultural, além do setor de Estudos Ambientais da instituição. 

A primeira atividade começou na sexta-feira (04), com a divulgação de uma série de publicações nas redes sociais apresentando as diversas espécies de animais que vivem no Parque Prof. Raimundo Teixeira da Rocha, o Parque do Museu, localizado em uma área de sete mil m² no terreno do MCC e que abriga uma grande diversidade de plantas e animais característicos da nossa região. 

A ideia é parte da proposta pedagógica de estágio obrigatório de Adson Lucas, Aurea Estella, Elida Cassandra, Francielen Tomaz e Marcelo Moreira, alunos do curso de licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), sob orientação da professora Silvia Groto. Em abril, o grupo apresentou a flora encontrada na área verde da instituição. Agora é a vez da fauna, representada por insetos, aves, pequenos macacos e répteis, como os saguis, abelhas, iguanas e o lindo anu-preto. As publicações já estão disponíveis no Facebook e no Instagram

A Semana do Meio Ambiente no MCC conta ainda com o lançamento de cartilhas, vídeos e conteúdos com temas relacionados ao meio ambiente. O Setor Educativo lança, na quarta-feira (09), um roteiro pedagógico de visitação ao Parque do Museu – o documento é voltado para professores e poderá ser usado, por enquanto, para visitas virtuais e, em breve para aulas de campo presenciais. Também serão lançadas duas cartilhas, uma sobre plantas medicinais, desenvolvidas pelo setor Educativo, e outra sobre o processo de Compostagem, resultado do estágio da estudante Priscila Silveira.

Para encerrar a programação, na sexta-feira (11), às 14h30, a professora Iracema Miranda, chefe do Setor de Estudos Ambientais do MCC, recebe José Petronilo da Silva Júnior, subcoordenador de Licenciamento e Controle Ambiental do IDEMA-RN, Boisbaudran Imperiano, da Sociedade Nordestina de Ecologia, e o professor Leonardo Versieux, do Departamento de Botânica e Zoologia da UFRN para uma conversa sobre a restauração de ecossistemas em ambientes urbanos, além do lançamento de um vídeo sobre o espaço verde da instituição. A live será transmitida pelos canais do MCC no Facebook e no Youtube