Category: Economia

Governo Bolsonaro já pagou R$ 34,7 bi de Auxílio Emergencial em 2021, incluindo a 4ª parcela

Foto: Marcos Rocha/ FDR

O gasto do governo federal com o pagamento da nova rodada do auxílio emergencial atingiu R$ 34,7 bilhões, com o depósito da quarta parcela finalizado nesta semana. O valor equivale a 79% do orçamento de R$ 44 bilhões previstos para os quatro meses iniciais. Mas o benefício foi prorrogado com mais três parcelas até outubro, com os mesmos valores. O calendário dos novos pagamentos ainda não foi divulgado.

Nesta etapa, foram beneficiadas 36,1 milhões de pessoas, sendo 26,7 milhões inscritos pelo CadÚnico e aplicativo da Caixa, e 9,4 milhões do Bolsa Família. O total de repasse com a quarta parcela foi de R$ 8,4 bilhões para os dois grupos, com valor médio de R$ 305,97, no caso do Bolsa Família.

O pagamento médio segue em R$ 250, com exceção às mulheres chefes de família, que recebem R$ 375, e as pessoas que moram sozinhas, R$ 150.

“Concluímos mais uma etapa do auxílio emergencial 2021 com a convicção de que o trabalho realizado permitiu a milhões de famílias um reforço no orçamento para superar as dificuldades impostas pela pandemia. Vamos seguir com o mesmo empenho e eficiência para que as três parcelas da prorrogação do benefício continuem chegando a quem mais precisa”, destacou o ministro da Cidadania, João Roma.

Calendário

Assim como o depósito, a liberação do saque da quarta parcela foi adiantada. Originalmente, os trabalhadores nascidos em janeiro poderiam sacar a quarta parcela a partir do dia 13 de agosto. Agora, eles terão essa possibilidade nesta segunda-feira (2). O cronograma de saques vai até 18 de agosto para os aniversariantes de dezembro, uma antecipação de 22 dias.

O modelo de escalonamento das transferências e saques, adotado no ano passado, segue sendo executado em 2021, com o objetivo de evitar filas e aglomerações nas agências da Caixa Econômica Federal e nas lotéricas.

Prorrogação

Com a prorrogação do auxílio emergencial até outubro, a expectativa do governo federal é ganhar tempo para o avanço da vacinação contra a covid-19, além de preparar uma ampliação do programa Bolsa Família, com pagamentos no valor de R$ 300.

A prorrogação vai abrir mais espaço no Orçamento de 2021 para o lançamento da nova política social permanente, que vai suceder o Bolsa Família. O desenho do substituto do Bolsa Família precisa ser implementado até dezembro de 2021, porque a lei veda a adoção desse tipo de medida em ano de eleições.

Mesmo assim, o governo afirma que o benefício concedido aos trabalhadores informais e população de baixa renda devido à de covid-19 pode ser renovado caso a pandemia persista.

Datas para saque da 4ª parcela

2 de agosto (segunda-feira) – nascidos em janeiro
3 de agosto (terça-feira) – nascidos em fevereiro
4 de agosto (quarta-feira) – nascidos em março
5 de agosto (quinta-feira) – nascidos em abril
9 de agosto (segunda-feira) – nascidos em maio
10 de agosto (terça-feira) – nascidos em junho
11 de agosto (quarta-feira) – nascidos em julho
12 de agosto (quinta-feira) – nascidos em agosto
13 de agosto (sexta-feira) – nascidos em setembro
16 de agosto (segunda-feira) – nascidos em outubro
17 de agosto (terça-feira) – nascidos em novembro
18 de agosto (quarta-feira) – nascidos em dezembro

R7

Nova companhia aérea passa a operar no RN neste final de semana

Mais nova companhia aérea brasileira, a Itapemirim Transportes Aéreos estreia em mais cinco destinos: Fortaleza (CE), Florianópolis (SC), Maceió (AL), Natal (RN) e Recife (PE). As operações comerciais terão início neste final de semana, mais especificamente no dia 1 de agosto de 2021.

Os voos da ITA serão realizados por aeronaves Airbus A320, com capacidade para transportar confortavelmente até 162 passageiros. São 18 assentos a menos em relação à configuração máxima do modelo. Assim, as aeronaves da ITA foram customizadas e reconfiguradas para possibilitar mais espaço entre as poltronas – o que faz com que todas as fileiras de assentos estejam dentro dos padrões da categoria A do selo ANAC de conforto.

Fonte: https://www.blogdobg.com.br/

Arrecadação federal soma R$ 137 bilhões em junho; melhor valor para o mês em 10 anos

Iti antecipa pagamento do auxílio emergencial e permite saque do dinheiro |  Exame Invest
Foto da Internet

Com R$ 137,169 bilhões em impostos e contribuições em junho, a arrecadação federal registrou o melhor resultado para o mês desde 2011, quando o montante foi de R$ 143 bilhões. O número representa alta real de 46,77% ante mesmo mês de 2020.

Divulgada pela Receita Federal nesta quarta-feira (21), a arrecadação recuou 3,9% em relação ao valor recolhido em maio de 2021.

A arrecadação federal reflete, em sua maioria, o desempenho econômico do mês anterior. Logo, o resultado sinaliza que a atividade econômica continuou demonstrando sinais de recuperação, confirmando um impacto menor na economia do avanço da pandemia de Covid-19 em 2021.

Recorde no semestre

No primeiro semestre, o recolhimento de tributos já totaliza R$ 881,996 bilhões. O valor é o maior da série histórica para o período. Na comparação com o acumulado de janeiro a junho do ano passado, a alta real é de 24,49%.

De acordo com a Receita Federal, os resultados são explicados, principalmente, por fatores não recorrentes, como recolhimentos extraordinários de cerca de R$ 20 bilhões do IRPJ/CSLL de janeiro a junho de 2021, ante o valor, também extraordinário, de R$ 2,8 bilhões no mesmo período do ano anterior.

“Além disso, as compensações aumentaram 89% em junho de 2021 em relação a junho de 2020 e cresceram 51% no período acumulado”, acrescenta a pasta.

CNN Brasil /BG

Caixa anuncia 10 mil vagas, entre concursados, estagiários e aprendizes, para 250 novas agências

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta segunda-feira (19) vagas para 10 mil novos colaboradores. O plano faz parte de um programa de expansão que prevê abertura de 250 novas agências até o final deste ano.

Do total, está nos planos contratar 4 mil empregados, sendo 3 mil deles convocados do concurso vigente. Cabe, ainda, a autorização da Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Sest).

Além disso, 5,2 mil vagas serão para estagiários, voltadas a candidatos já cadastrados e aprovados previamente pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE); e aprendizes, por meio de parcerias com entidades sem fins lucrativos.

Outros mil postos são destinados para pessoas com deficiência (PcD), em concurso com previsão de lançamento até setembro.

As 800 vagas restantes do total serão para vigilantes e recepcionistas terceirizados, tendo seus serviços prestados diretamente a outras empresas.

Valor Investe /BG

RN é o 2º do país e o 1º do nordeste em crescimento de desembarques

Foto: Governo Federal

Levantamento realizado pelo Governo do Estado, por meio da Emprotur, em parceria com a empresa europeia de Big Data, a ForwardKeys revelou que a demanda por passagens aéreas domésticas no Brasil tem crescido substancialmente nas últimas semanas. Entre os destinos nacionais, o Rio Grande do Norte teve o segundo maior crescimento na emissão de passagens aéreas para chegadas até setembro, em relação ao período pré-pandêmico de 2019, sendo o primeiro do Nordeste.

“O resultado é fruto de muitas ações de promoção e apoio à comercialização do destino, pois sabemos que a emissão de bilhetes aéreos é um indicador importante a respeito do status da reativação do mercado. O Governo do RN está trabalhando, junto com todo o trade potiguar, para que esse crescimento seja cada vez mais consolidado, inicialmente no mercado doméstico, mas depois iremos avançar para o internacional”, contou Bruno Reis, responsável pela promoção do destino.

Somente em junho deste ano, o Rio Grande do Norte obteve um aumento de mais de 200% em quantidade de passagens aéreas emitidas, considerando somente as viagens domésticas, nos quais as cidades de Belo Horizonte (423%) e Brasília (235%) registraram as maiores altas de envios de passageiros, porém São Paulo continua correspondendo a maior fatia de visitantes que desembarcam no RN, com 44% do total. O trabalho da Secretaria de Estado de Turismo do RN e da Empresa Potiguar de Promoção Turística foram reconhecidos na análise de dados. Os principais pontos que definem a vinda dos viajantes para o Estado são: a qualidade e quantidade de atrativos turísticos, a sua localização e as ofertas de mercado.

Movimentação no aeroporto

Em junho de 2021, o movimento de passageiros no Aeroporto Internacional de São Gonçalo volta a atingir a casa dos seis dígitos, ultrapassando os 120 mil passageiros domésticos, somando embarques (62 mil) e desembarques (59,6 mil), e alcança 80% da demanda de 2019. O fluxo de passageiros do mês de junho foi aproximadamente 28% superior ao mês de maio. Esse é o segundo mês de crescimento consecutivo de movimentação de passageiros e aeronaves, tendência que deve ser mantida nos próximos meses.

Agora RN

RN foi o estado com maior aumento do frete

Entre todos os estados da federação, o Rio Grande do Norte foi o que teve o maior aumento no valor do frete no mês de maio. Os números consolidados são do Índice FreteBras do Preço do Frete que mostram um crescimento de 18,72%, na comparação com o mês de abril.

Ainda de acordo com o índice, o RN registrou uma média de R$1,12 por quilômetro rodado por eixo no período, ficando como o segundo frete mais caro do Brasil, atrás apenas do Amazonas, com R$1,21.

Segundo Bruno Hacad, diretor de Operações da FreteBras, um dos motivos para o alto preço é o aumento da demanda com o mesmo número de veículos. “O preço do frete é amplamente impactado pela lei da oferta e demanda. Quando não há caminhoneiros suficientes para realizar os fretes disponíveis, as transportadoras passam a oferecer preços mais altos para atrair os motoristas. Foi o que aconteceu no Rio Grande do Norte, onde o volume de fretes triplicou desde o início do ano e a quantidade de caminhões disponíveis permaneceu igual“, disse.

Fonte: https://www.blogdobg.com.br/

Valor da passagem de trem aumenta e passa a custar R$ 2,50 na Grande Natal

Trem em Natal vai sofrer reajuste — Foto: CBTU/Divulgação
Trem em Natal vai sofrer reajuste — Foto: CBTU/Divulgação

O valor da passagem dos trens urbanos da Grande Natal sofreu um aumento de R$ 0,50 e vai passar a custar R$ 2,50 a partir do próximo sábado (7). De acordo com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), o reajuste será aplicado, além de Natal, em João Pessoa e Maceió.

Atualmente, o preço da passagem custa R$ 2. O último reajuste foi aplicado em março de 2020, quando houve um aumento de R$ 0,25.

Em nota, a CBTU informou que o reajuste estava previsto para março deste ano, mas foi adiado para julho “tendo em vista a maior vulnerabilidade das populações atendidas diante do impacto da pandemia e a paralisação de atividades econômicas”.

A Companhia disse que tem feito o possível para reduzir o impacto para os usuários, mas, por ser empresa pública federal subvencionada pelo Tesouro Nacional, não seria possível deixar de ajustar as tarifas após 2 anos da aprovação do último aumento.

O objetivo, segundo a CBTU, é “não repetir políticas passadas de congelamento tarifário, e que tanto oneraram os contribuintes e prejudicaram a qualidade dos serviços oferecidos, por terem sufocado financeiramente a Companhia e restringido sua capacidade de investimentos”, cita na nota.

A CBTU diz ainda que visa garantir transporte onde é socialmente vital, mas busca também um maior equilíbrio financeiro, “com redução da subvenção recebida dos impostos federais, ao mesmo tempo em que procura viabilizar melhorias nos serviços prestados”.

G1RN

Quina de São João: estimativa de prêmio aumenta para R$ 200 milhões; sorteio será neste sábado

Foto: Divulgação/Caixa

A Quina de São João pode pagar um prêmio de R$ 200 milhões para quem acertar as cinco dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) deste sábado (26). A Caixa aumentou nesta sexta (25) a estimativa do prêmio –que, inicialmente, era de R$ 190 milhões.

O prêmio não acumula e será pago a quem acertar a maior quantidade de números sorteados na primeira ou nas demais faixas de premiação.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, caso haja apenas um ganhador e o dinheiro seja aplicado na poupança, é possível receber mais de R$ 383 mil por mês ou adquirir 125 apartamentos de luxo.

Como apostar

As apostas podem ser realizadas em volantes específicos que já estão disponíveis nas lotéricas e pela internet até as 18h de sábado. O preço da aposta com 5 números é de R$ 2.

Concurso especial

Esta é a décima edição da Quina de São João. No ano passado, cinco apostas dividiram o prêmio de R$ 152 milhões.

G1

SINSP/RN: Estado arrecada mais de R$ 163 milhões de FPE em relação a maio passado

Imagem: Ilustração

A arrecadação do estado do RN está superando as expectativas.
O Fundo de Participação dos Estados (FPE) foi maior em maio de 2021 do que os dois últimos anos: 2020, quando o país já sofria com os efeitos da pandemia, e 2019 sem a COVID-19.
A diferença positiva foi de R$ 163.166.500,13 quando comparados com 2021 e 2020.
Entre 2019 e 2021 a diferença foi de R$ 68.130.053,35.
Somando as arrecadações de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e FPE positivas de maio de 2021, atinge-se o valor de R$ 282 milhões além do que o Governo do Estado esperava, em apenas um mês.
O RN arrecadou R$ 119 milhões a mais de ICMS quando comparamos os meses de maio de 2020 e 2021.
O valor neste ano foi de R$ 481.400.167,23, são R$ 119.359.381,86 a mais que os R$ 362.040.785,37 do ano passado.
O valor é positivo até mesmo quando comparado com dois anos atrás, antes da pandemia.
São R$ 53.621.255,41 a mais do que os 427.621.255,41 arrecadados de 2019.
A notícia tem destaque no endereço eletrônico do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do RN (SINSP/RN). na internet.

Fonte: http://blogpautaaberta.blogspot.com/

Brasil prever alta do PIB em 5% para 2021

Jantar de Bolsonaro com empresários foi uma ação entre amigos | VEJA
Foto da Internet

Os analistas do mercado financeiro elevaram novamente a estimativa de inflação em 2021, ao mesmo tempo em que passaram a ver um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 5% neste ano.

As previsões do mercado constam no relatório “Focus”, divulgado nesta segunda-feira (21) pelo Banco Central (BC). Os dados foram levantados na semana passada, em pesquisa com mais de 100 instituições financeiras.

No caso do Produto Interno Bruto (PIB) de 2021, os economistas do mercado financeiro subiram a estimativa para o crescimento de 4,85% para 5%. Foi a nona alta seguida do indicador.

O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia.

Para 2022, o mercado baixou a previsão de alta do PIB de 2,20% para 2,10%.

A expectativa para o nível de atividade foi feita em meio à pandemia da Covid-19, que derrubou o PIB em 2020.

Entretanto, a economia tem mostrado forte reação nos últimos meses com a recuperação da atividade mundial e a alta dos preços das “commodities” (produtos básicos, como alimentos, minério de ferro e petróleo). O mercado também elevou estimativa para taxa básica de juros no fim do ano (veja mais abaixo).

Taxa básica de juros

O mercado financeiro elevou de 6,25% para 6,50% ao ano a previsão para a Selic no fim de 2021. Com isso, os analistas passaram a projetar uma alta maior dos juros neste ano.

Em março, na primeira elevação em quase seis anos, a taxa básica da economia foi aumentada pelo BC para 2,75% ao ano. Em maio, o Copom elevou o juro para 3,5% ao ano e, em junho, a taxa avançou ara 4,25% ao ano.

Para o fim de 2022, os economistas do mercado financeiro mantiveram a expectativa para a taxa Selic em 6,50% ao ano, o que pressupõe estabilidade do juro básico da economia no ano que vem.

Com G1

“Vamos renovar o auxílio e logo depois entra o novo Bolsa Família já reforçado”, diz ministro Paulo Guedes

Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino

O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou que o governo vai estender o auxílio emergencial por, pelo menos, mais dois meses. Na avaliação dele, o período é o suficiente para que os estados terminem a imunização da população adulta contra a Covid-19.

“Mais dois ou três meses, porque a pandemia está ai. […] Vamos renovar o auxílio e logo depois entra o novo Bolsa Família já reforçado”, afirmou o ministro em participação da reunião da frente de Serviços, nesta terça-feira (8).

A informação foi antecipada pelo colunista da CNN Gustavo Uribe que disse, na segunda-feira (7), que o governo federal avaliava estender o auxílio emergencial por um curto período, em uma espécie de transição para a criação do novo formato do Bolsa Família.

Além da prorrogação do auxílio emergencial, o ministro também voltou a falar no lançamento do Bônus de Inclusão Produtivo (BIP) e no Bônus de Incentivo à Qualificação (BIQ). No entanto, o valor comentado por ele já diminuiu de R$ 300, para cada um dos benefícios, para R$ 275.

“Com R$ 275 pagos pelo governo e mais R$ 275 que a empresa paga, o jovem consegue um programa de um ano ou até um ano e meio de qualificação profissional”, disse.

Segundo ele, duas ou três grandes empresas já estão em contato com o governo com a intenção de contratar até 30 mil jovens dentro do regime especial do programa.

“Achamos que vai ter um aumento muito rápido do nível de emprego. Na verdade, uma redução do desemprego, tirando esses jovens das ruas e levando-os à qualificação profissional. Vamos pegar onde o desemprego é maior: no jovem nem-nem (que nem estuda nem trabalha)”, reforçou.

CNN Brasil

Fonte: https://www.blogdobg.com.br/

ATRASO: RN deixa de arrecardar R$ 670 milhões por ano por reciclar apenas 2% do lixo produzido, diz sindicato

Lixo reciclado em Natal Rio Grande do Norte latas recicladas reciclagem RN — Foto: Divulgação
Lixo reciclado em Natal Rio Grande do Norte latas recicladas reciclagem RN — Foto: Divulgação

O Rio Grande do Norte recicla apenas 2% do lixo produzido no estado e deixa de reciclar 98%. O dado é do Sindicato das Indústrias de Reciclagem e Descartáveis do Estado (SindRecicla-RN). Segundo a entidade, com esse número, o estado deixa de arrecadar cerca de R$ 670 milhões por ano com a conversão de resíduos sólidos em novos produtos.

A SindRecicla-RN diz que atualmente os seus associados operam hoje com cerca de 65% da capacidade que possuem, o que significa que eles têm condições de receber mais recicláveis do que é destinado.

O sindicato calcula que, além do prejuízo em receita, o RN perde também na geração de 15 mil empregos no setor aproximadamente.

O presidente do sindicato, Etelvino Patrício de Medeiros, diz que os prejuízos da reciclagem são sociais, econômicos, de saúde pública e ambientais – no próximo sábado (5) é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente.

“Ainda destinamos a aterros e lixões materiais com longo processo de decomposição que poderiam ser transformados em receita e empregos, deixando de ameaçar o Meio Ambiente e a saúde das pessoas”, afirma.

De acordo com Patrício, o desempenho do estado é um reflexo de todo o Brasil. Apesar disso, os níveis no RN são ainda piores, já que o estado recicla apenas 2% do lixo enquanto o país tem média acima de 3%.

Para o presidente da SindRecicla-RN, em tempos de pandemia, que também tem proporcionado uma crise econômica, é fundamental identificar o potencial econômico do lixo, que teve um aumento também no quesito doméstico, com mais pessoas permanecendo em casa do que o comum.

“A reciclagem ainda é subestimada pela sociedade, mas ela tem capacidade de restabelecer empregos e negócios que estão sendo subtraídos todos os dias”, diz Pat´ricio.

Para mudar esse quadro, o presidente acredita que é necessário ações de conscientização do poder público e o entendimento da própria sociedade.

O SindRecicla-RN conta hoje com 33 associados, que recebem materiais como plásticos, metais, papelões e resíduos da construção civil. O produto dessa reciclagem é enviado para outros estados e até outros países.

G1RN

IR 2021: termina prazo para envio da declaração; saiba o que fazer se você perdeu

Terminou às 23h59 desta segunda-feira (31) o prazo para enviar a declaração do Imposto de Renda à Receita Federal. Quem era obrigado a declarar e perdeu o prazo da entrega agora está em dívida com o Leão.

Segundo a Receita, quem não entregou dentro do prazo pode enviar a declaração a partir das 8h desta terça-feira (1º), mas já estará sujeito ao pagamento de multa.

A Receita Federal recebeu neste ano, 34.168.166 declarações de Imposto de Renda, crescimento de 6,8% em relação ao ano passado. Em 2020, o órgão recebeu 31,9 milhões de declarações.

Número de declarações recebidas a cada ano — Foto: Economia G1

multa mínima por atraso para envio da declaração é de R$ 165,74, mas pode atingir até 20% do imposto devido. A recomendação é para que o contribuinte regularize a situação o quanto antes.

Além depagar multa, quem é obrigado mas não declara o Imposto de Renda no prazo corre o risco de ter o CPF bloqueado, o que pode impedir a contratação de empréstimos, tirar passaportes, obter certidão negativa para venda ou aluguel de imóvel e até prestar concurso público até a regularização da situação.

O que fazer para regularizar a situação?

Quem perdeu o prazo para envio da declaração terá quebaixar o programa da Receita Federal e mandar a declaração do Imposto de Renda.

Assim que emitir a declaração, o contribuinte receberá a “notificação de lançamento de multa” e a Darf da multa. O contribuinte terá 30 dias para efetuar o pagamento e regularizar sua situação.

Imposto de Renda 2021: tire dúvidas sobre o processamento do IR 2021

Como a multa é calculada?

A multa para quem faz a declaração fora do prazo é de no mínimo R$ 165,74, mas pode chegar a 20% do imposto devido.

Quem não tem imposto a pagar terá R$ 165,74 descontados da eventual restituição a que teria direito. Já aqueles que terão que pagar o imposto de renda, a multa é de 1% ao mês sobre o valor do imposto devido, começando a contar a partir de maio. O valor máximo é de 20% do imposto a pagar.

O que acontece com quem não faz a declaração?

Além do prejuízo financeiro com a multa, o contribuinte fica com o CPF “sujo”, o que pode lhe impedir de empréstimos, tirar passaportes, obter certidão negativa para venda ou aluguel de imóvel e até prestar concurso público até a regularização da situação.

Quem enviou a declaração no prazo com erro e quer retificar paga multa?

Não. A declaração retificadora não está sujeita à multa por atraso na entrega.

Fonte:https://g1.globo.com/economia/imposto-de-renda

SP: Gás encanado sobe até 40% nas áreas da Naturgy e até 10,2% nas áreas da Comgás nesta segunda-feira, diz Arsesp

Chama de gás enganado  — Foto: BBC
Chama de gás enganado — Foto: BBC

G1SP – As tarifas de gás encanado no estado de São Paulo vão subir até 40% nesta segunda-feira (31) nas áreas da concessionária Naturgy e até 10,2% nas áreas da Comgás, segundo a Agência Reguladora de Serviços Públicos de São Paulo (Arsesp).

De acordo a Arsesp, após o reajuste federal, o aumento médio para os consumidores do estado seria de 34%, segundo as regras contratuais. Mas a Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA) do governo de SP solicitou à agência estudos para reavaliar possíveis medidas para reduzir o impacto aos usuários.

Com isso, a agência afirma ter conseguido reduzir o índice de reajuste médio na área da Comgás, que atende principalmente a região metropolitana de São Paulo, e o restante do repasse de aumento da tarifa será diluído entre os anos de 2022 e 2024, nos próximos reajustes anuais de tarifa autorizados pela agência.

“O Governo do Estado de São Paulo observou com preocupação a aceleração da inflação medida pelo IGP-M e, também, o aumento no custo do gás, objeto de reajustes recentes realizados pela Petrobrás. (…) A alteração entre o IGP-M e o reajuste proposto será compensada ao longo dos próximos anos, de forma diluída entre os anos de 2022 e 2024”, disse comunicado publicado pela Arsesp sobre a região da Comgás.

Dia Livre de Impostos promete descontos de até 70% na quinta-feira

Dia Livre de Impostos' acontece nos shoppings em Manaus nesta quinta - Em  tempo - Portal de notícias 24 horas de Manaus e do Amazonas
Foto da Internet

Mais de mil lojistas irão participar da 15ª edição do Dia Livre de Impostos, que ocorrerá na próxima quinta-feira (27), de forma online. Na data, os lojistas participantes vão comercializar produtos sem as taxas de tributação cobradas pelos governos.

O evento, que abrangerá todos os estados e o Distrito Federal, é promovido pela Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL Jovem) e pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo (FCDLESP).

Segundo as entidades organizadoras, a ação visa alertar a população sobre o valor de impostos pagos em cada produto e sensibilizar as autoridades sobre as dificuldades enfrentadas pelo setor.

“O evento chama atenção para um dos principais entraves do comércio varejista: a alta carga tributária nos produtos e serviços. Com a pandemia de covid-19, os estabelecimentos foram ainda mais afetados pelo abre e fecha. Esperamos que a data aqueça o setor e reforce a necessidade da reforma tributária”, destacou o presidente da FCDLESP, Maurício Stainoff.

Durante o Dia Livre de Impostos, os produtos e serviços oferecidos pelos lojistas poderão chegar a ter descontos de 70%. A lista das lojas participantes pode ser vista no site do evento. Os descontos serão ativados na data do evento.

AGÊNCIA BRASIL