Segurança e saúde pautam horários dos deputados na Assembleia Legislativa

A situação psicológica dos servidores da saúde do Rio Grande do Norte foi o tema do discurso do deputado estadual Vivaldo Costa (PSD), durante sessão ordinária, por Sistema de Deliberação Remota, realizada nesta quinta-feira (30).

O parlamentar destacou que conversou com o médico Belísio Medeiros que é chefe da Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional do Seridó e professor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, que demonstrou preocupação com a equipe de profissionais de saúde daquela unidade, que apresentam problemas de ansiedade, medo, estresse, depressão entre outros problemas psicológicos.

“Não é para menos. Esses profissionais estão na linha de frente e além de se preocuparem com os pacientes, eles temem levar o vírus para casa e contaminar seus familiares”, comentou.

Vivaldo destacou que já cobrou e que continuará cobrando que seja oferecido acompanhamento psicológico e de outras especialidades para esses profissionais. “Já está na hora da governadora e do secretário de saúde se reunirem, ouvir as assessorias e tomarem providências. Esses profissionais estão adoecendo. Eles precisam de ajuda. Além de tratar, estarão fazendo a prevenção”, cobrou.

O parlamentar contou que fez um estudo na internet e que profissionais de saúde estão adoecendo mentalmente em todo Brasil que estes precisam da atenção do poder público.

“É preciso cuidar desses profissionais para que estes continuem prestando o serviço de excelência que eles prestam a nossa população”, ressaltou ao parabenizar o município de Ceará-Mirim que celebra mais um ano de emancipação política. “Eu não nasci no Vale, mas tenho muito amor por Ceará-Mirim”, destacou.

Já o deputado Coronel Azevedo (PSC) iniciou sua fala parabenizando a cidade de Ceará-Mirim, e destacando o trabalho que os integrantes do PSC estão fazendo naquele município.

O parlamentar informou que protocolou um requerimento direcionado ao diretor da Companhia de Água e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), Roberto Sérgio, pedindo que providências sejam tomadas para que o esgoto da cidade de Currais Novos não seja mais despejado no Rio Totoró. “É um rio intermitente, mas com isso vem se formando uma grande lagoa ao ar livre. Os moradores dos bairros Parque das Pedras, Gilberto Pinheiro e Antônio Rafael fizeram um abaixo-assinado pedindo que soluções sejam tomadas com urgência. “Estamos atentos e vamos continuar cobrando solução para o problema. Sabemos que esse esgoto tem promovido a proliferação de mosquitos e de insetos”, justificou.

Coronel Azevedo destacou ainda que no sábado o 3º Batalhão de Polícia Militar, sediado em Parnamirim, estará comemorando 24 anos de atuação no Estado. “Parabenizar a todos que dedicam suas vidas a trabalhar e cumprir sua missão diária na segurança pública do Rio Grande do Norte, através do 3º Batalhão da Polícia Militar de Parnamirim”, disse ao cobrar mais condições de trabalho para aquela unidade policial. “Solicitamos ao comandante-geral e ao secretário de segurança melhores condições de trabalho para aqueles que ali estão lotados. Aos meus irmãos de farda, meus parabéns, minha continência e meu respeito”, disse.