A mensagem de fim de ano do comandante do Exército declara que não haverá ditadura militar

Da Veja 

A página do Exército brasileiro no Facebook divulgou neste domingo uma mensagem de fim de ano do general Eduardo Villas Bôas, comandante das tropas. No pronunciamento, ele destaca as realizações da corporação em 2017 e ressalta a importância dos militares para que o Brasil supere no ano que vem “a crise moral que o assola”.

“Esse ano se está anunciando como um período de dificuldades materiais e políticas. Mais do que nunca, a coesão de nossa instituição será um fator primordial e contribuíra para que o Brasil supere a crise moral que o assola”, declarou o general. “Dentro de tal contexto, nosso Exército é um fator de estabilidade. Não nos afastaremos da trajetória retilínea de serviços à nação brasileira sempre alicerçados na hierarquia e na disciplina.”

O general citou as operações de garantia da lei e da ordem nos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Amazônia, além do fim da missão de paz no Haiti e do patrulhamento da enorme fronteira do país.

Ao contrário de Morão o comandante é a favor da democracia brasileira. Não haverá de volta ditadura militar.

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Boas, durante audiência pública na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado, em Brasília (DF) - 22/06/2017
General Eduardo Villas Bôas, comandante do Exército (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Sem salários desde terça-feira, 19, a PM não sai às ruas do RN

Desde a terça (19) que PMs e bombeiros militares estão aquartelados em razão da falta de pagamento dos salários de novembro. No dia seguinte, agentes, escrivães e delegados da Polícia Civil aderiram ao movimento e, também em razão dos salários atrasados, passaram a trabalhar em regime de plantão. Isso significa que, na Grande Natal, apenas as delegacias de plantão estão funcionando. Já no interior, somente as delegacias regionais estão atendendo a população.

Resultados: Muitos crimes continuam sendo praticados contra a sociedade do RN.

 Equipes da Força Nacional foram enviadas à capital potiguar para cobrir a ausência de policiamento ostensivo   (Foto: PM/Divulgação)
Equipes da Força Nacional foram enviadas à capital potiguar para cobrir a ausência de policiamento ostensivo (Foto: PM/Divulgação)

Vestida de roupa íntima, mulher é encontrada morta em sítio no interior do RN

Do G1RN

Uma mulher foi encontrada morta em um sítio na cidade de Mossoró, no Oeste potiguar. O corpo foi visto por populares que acionaram a polícia na tarde desta segunda-feira (25). O cadáver levado para o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), para realização de exames.

De acordo com o sargento Lima, do 2º Batalhão da PM, a mulher tinha marcas de cortes pelo corpo e foi encontrada usando apenas uma calcinha e uma blusa. “Ela parece com uma mulher que faz programa aqui na região”, afirma o sargento, dizendo que não encontrou documentos que comprovassem a identidade.

Apesar da movimentação da PM, que desde a terça-feira (19) não sai às ruas em Natal e em algumas cidades do interior, em protesto a atrasos salariais e falta de estrutura, em Mossoró há policiais fazendo patrulhamento.

Fátima Bezerra é contra as orientações do procurador federal que deteve o repasse da verba para o RN

A senador Fátima Bezerra,PT, pré-candidata ao governo do Rio Grande do Norte encaminhou aos blogues nota reclamando da atitude do procurador do Ministério Público Federal e o acusando de que seu parecer não merece confiança, trazendo apreensão ao povo do do Estado.

Mesmo assim, a reclamação da petista em nada está ajudando a resolver os problemas do Estado. Não se sabe se as intenções da senadora é de fazer apenas política com sua nota, nada fazendo para que a crise venha a diminuir.

Como diz o ditado: “quanto mais pior, melhor”

Nota: 

A notícia de que o procurador do Ministério Público de Contas, Júlio Marcelo de Oliveira, recomendou o não repasse de recursos da União ao Estado do Rio Grande do Norte, sob a alegação de crime de improbidadae administrativa, deixa toda a sociedade potiguar apreensiva.

Júlio Marcelo é o mesmo que presenteou Michel temer e seus seguidores adesistas com um parecer irresponsável, que indicava as pedaladas fiscais da presidenta Dilma, quando na verdade a única intenção era apeá-la do poder e entregá-lo ao grupo que hoje toma de assalto o país.

O fim dessa triste história nós sabemos, mas o que ainda não sabemos é a quem serve o procurador nesse momento.

E ele não está só.

O discurso de risco de “improbidade administrativa” – semelhante ao que proferiu o pré-candidato à presidência da república e ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, na última quinta-feira, no programa partidário do PSD – além de mentiroso, é desprovido de qualquer responsabilidade social com o momento que vive a população do Rio Grande do Norte. Aqui, os serviços públicos básicos, como saúde e segurança, estão paralisados pelas justas reivindicações dos servidores que não recebem salários. A sensação de caos e de impotência toma conta da população e os poderes executivos em todos os níveis precisam tomar providências.

Neste contexto, o Governo Federal precisa reparar a ajuda desproporcional concedida aos estados brasileiros.

Michel Temer e Meireles bancaram um Plano de Auxílio aos Estados, editado por meio da Lei Complementar 156/2016, e destinaram 82% de todo o montante aos 4 estados mais ricos.

Por outro lado, não há olhos para o drama que vive alguns estados do Nordeste, mais notadamente o nosso Rio Grande do Norte, que está imerso num cenário de falência absoluta.

Como professora, senadora e cidadã estou preocupada com o atual momento que atravessa o nosso RN, especialmente quando a expectativa no momento era de uma solução paliativa – não ideal, evidentemente – mas que pelo menos pudesse assegurar aos servidores públicos estaduais o mais elementar dos seus direitos: o salário.

Senadora Fátima Bezerra

Robinson Faria some no natal e diz que pagará o décimo terceiro 10 de janeiro

Resultado de imagem para Robinson Faria

O governador Robinson Faria, que anda sumido da mídia do RN nesse dia de natal; mas há informações de que ele foi passar o natal com seu neto, filho de Patrícia Abravanel e Fábio Faria, fez seus últimos comunicados sobre a crise do Rio Grande do Norte, quanto ao pagamento do décimo terceiro e a folha do mês de dezembro.

Ele diz que fará o pagamento do décimo no dia 10 de janeiro, enquanto a folha de dezembro só poderá começar no final de janeiro. Isto é, a crise está se alastrando.

Em outra postagem em seu twitter, o governador diz que trabalha 24 horas para conseguir superar a crise.

Pelo visto a paz do natal durará muito pouco para os funcionários do Estado. Eles não acreditam mais na palavra do governador, que insiste em fazer promessas que ele mesmo não sabe se conseguirá cumprir.

 

Julianne Faria passa o natal em estado de resiliência, pode ser candidata em 2018

Separada legalmente do governador do Estado do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, a ex-primeira dama, Julianne Faria,  faz nas últimas 24 horas quatro postagens de comemoração a festa de natal.

Em estado de resiliência o comportamento de Julianne em suas postagem é de quem tem pretensões políticas para as eleições em 2018. Ela ficou com poucas pessoas da família em sua residência.

  • “juliannefaria_Feliz Natal aos povos tradicionais do RN! Quilombolas, Comunidades Indígenas, Ciganos, Povos de Terreiros…Vi de perto muitas conquistas serem alcançadas, como a formação do Conselho de Igualdade Racial e desejo que muitas outras ainda estejam por vir! Grande Abraço!🎄”
  • “juliannefaria_Gostaria de desejar um Feliz Natal esses amigos e grandes guerreiros nas comunidades de Natal!”
  • “juliannefaria_Eu, Nanda, Malu e Gabriel desejamos à todos um Feliz Natal! #family#love #resiliência #muitoamorenvolvido❤️”
  • juliannefaria_Família reunida para comemorar o Natal!
  • Julianne posa pra foto de natal, apenas com os filhos, junto a árvore de natal em sua casa…Diz está em estado de resiliência

 

Vietnã evacua 650 mil pessoas por causa da tempestade Tembin

Resultado de imagem para vietnamita ilha Con Dao evacuação
Vietnamitas aguardam em um centro de evacuação antes da passagem da tempestade Tempin em Ho Chi Minh, Vietnã (VNA/Manh Linh via REUTERS/Reuters)

O serviço meteorológico vietnamita prevê que a Tembin, que esta manhã estava a mais de 300 quilômetros da ilha Con Dao, com ventos constantes de 135 km/h, chegue esta noite pelo sul do país.

A imprensa compara este tufão com o Linda, que em 1997 causou um dos desastres mais graves do Vietnã nos últimos cem anos com mais de 4.000 mortos.

O primeiro-ministro do Vietnã, Nguyen Xuan Phuc, ordenou às autoridades locais que mobilizem soldados, agentes e voluntários para evacuar os moradores nas regiões onde se preveem inundações e deslizamentos de terra.

A evacuação forçada também inclui todas aquelas pessoas que vivam em casebres e barcos no delta do rio Mekong, por onde a Tembin entrará.

O delta do Mekong é uma região do sul do Vietnã que compreende 12 províncias e uma população de cerca de 17 milhões de habitantes.

 

Fonte: https://exame.abril.com.br/mundo/vietna-evacua-650-mil-pessoas-por-causa-da-tempestade-tembin/

Governador Robinson não consegue o dinheiro para pagamento dos funcionários do Estado

Resultado de imagem para Robinson faria e Temer
Foto: da Internet

Segundo notícias de Thaísa Galvão o governador do Estado do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, não conseguiu o dinheiro para pagamento do restante da folha de novembro, nem o mês de dezembro, e pior ainda, nem o décimo terceiro salário. Diz a blogueira que Temer estava assinado a ordem para o despacho do dinheiro, quando teve que suspender a caneta…

O que aconteceu foi que o Ministério Público Federal interviu contra a Medida Provisória do presidente Michel Temer, dizendo que a liberação do dinheiro para o Estado do RN com o carimbo para pagamento da folha de funcionários públicos abriria precedentes para que outros Estados da Federação se valesse do mesmo procedimento trazendo dificuldades para a União.

Agora Robinson com as mãos na cabeça e sem ter como solucionar politicamente a situação, no RN, só vai agravar mais a crise. No entanto isso pode ter a mão de forças bem ocultas para fortalecer mais ainda os nomes do PT nas eleições de 2018 no Estado, os aliados ocultos de Temer. Aliados na corrupção.

Rodrigo Maia concede quase 10 mil de aposentadoria a José Dirceu

Resultado de imagem para Dirceu preso
Foto: da Internet

A Câmara dos Deputados concedeu a aposentadoria ao ex-deputado federal José Dirceu (PT-SP). Em publicação no Diário Oficial da União, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), autorizou nesta quinta-feira, 21, a concessão do benefício de R$ 9.646,00 ao ex-parlamentar.

Parece que isso faz parte da reforma destes calhorda corruptos.

O que o povo via fazer? É claro que o candidato de Temer é o Lula com apoio de todos os corruptos do Congresso. Pois só um grande acordo entre o executivo e o legislativo podem deter a Lava Jato.

 

Do Em.com.br

Suzane Richthofen e Anna Carolina Jatobá são liberadas na saída temporária de fim de ano

Anna Carolina Jatobá deixou a prisão em um carro importado (Foto: Peterson Grecco/TV Vanguarda)
Anna Carolina Jatobá deixou a prisão em um carro importado (Foto: Peterson Grecco/TV Vanguarda)

Do G1SP

As detentas Suzane von Richthofen, condenada pela morte dos pais, e Anna Carolina Jatobá, condenada pela morte da enteada Isabella Nardoni, foram liberadas da prisão na manhã desta sexta-feira (22) na saída temporária de Natal e Ano Novo. Elas devem voltar no dia 3 de janeiro.

As duas cumprem pena no regime semiaberto na penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletir, a P1 feminina de Tremembé.

A primeira a sair foi Anna Carolina. Ela deixou o local em um carro importado preto, sem dar entrevista. (veja vídeo abaixo)

Já Suzane, que saiu em seguida, e foi embora com o namorado – um empresário de Angatuba (SP). Ela carregava uma sacola e também não falou com a imprensa.

Resultado de imagem para Suzane von Richthofen
Jefferson Coppola/VEJA)

Raquel Dodge chama reforços para grupo de trabalho da Lava-Jato

Resultado de imagem para Raquel Dodge
Foto: da Internet

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, assinou portarias para nomear mais dois procuradores para o grupo de trabalho da Lava Jato e outros dois para a pasta que cuida das demais ações criminais perante o Supremo Tribunal Federal. Com o reforço, o grupo que atua na Lava Jato terá dez integrantes.

Os procuradores Victor Riccely Lins Santos, do MPF no Amazonas, e o procurador Galtienio da Cruz Paulino, do MPF no Maranhão, vão se juntar aos procuradores com dedicação exclusiva à Lava Jato. O chamado “GT” fica subordinado à Secretaria de Função Penal, chefiado pela procuradora Raquel Branquinho.

Já os procuradores Leonardo Sampaio de Almeida e Lucas de Morais Gualtieri vão integrar a Secretaria Penal – a pasta tem como função cuidar dos demais assuntos criminais relacionados a autoridades com foro privilegiado, que tramitam no STF.

De acordo com a secretaria de comunicação da Procuradoria-Geral da República (PGR), o objetivo dos reforços é “garantir celeridade e o devido aprofundamento das investigações criminais contra pessoas com prerrogativa de foro”.

Os procuradores foram selecionados por meio de edital e podem atuar em investigações e negociações de delação premiada, por exemplo. A PGR atua em mais de 400 inquéritos, segundo dados da instituição, perante o STF.

Absurdo: menininha prova para a família que era estuprada pelo próprio avô

Foto: da Internet

Do dm.com.br

Infelizmente, é comum que vítimas tentem denunciar casos de abuso e estupro, mas as pessoas próximas duvidem da legitimidade dos relatos e até mesmo do agressor que é comumente pessoas próximas. Para provar à família que era violentada pelo avô, uma menina pegou o celular da avó escondido e gravou o homem nu se masturbando dentro de casa.

O caso aconteceu no município de Guaiúba, Região Metropolitana de Fortaleza, e o acusado foi preso nesta quinta-feira (21) pela Polícia Civil.

A vítima enviou o vídeo para a mãe que posteriormente também relatou que era abusada pelo homem, seu pai, desde os 10 anos de idade. Na mensagem reproduzida pelo G1 a garota afirmou: “Tá aí mãe a prova, a prova. Sabe o que é essa prova? É o que o vovô fica fazendo comigo, sabia? É isso que o vovô fica fazendo comigo e quando ele tá aqui eu não posso falar nada. Agora eu estou escondida falando dele”. A família denunciou o crime.

Em depoimento à Polícia, a mãe da menina informou que a vítima nunca havia conversado sobre os abusos. Ela ainda contou que quando criança era obrigada a assistir filmes pornográficos com os irmãos e o pai, que se masturbava na frente dos filhos. O acusado ainda exigia que tocassem os seus órgãos genitais.

Com informações do Notícias ao Minuto

Assembleia encerra ano com balanço positivo das atividades parlamentares

A Assembleia Legislativa chega ao final de mais um ano com balanço positivo das atividades parlamentares desenvolvidas na Casa. Os deputados encerram o período com 119 leis apreciadas, todas propostas por eles. De iniciativa da Mesa Diretora, outras seis leis foram deliberadas, totalizando assim a análise conclusiva de 125 matérias. O legislativo estadual apreciou ainda projetos encaminhados pelo Governo do Estado, Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas, Ministério Público e Defensoria Pública.

“A Casa cumpriu o seu papel enquanto Poder Legislativo durante todo o ano, com elevada produtividade. Esse volume de trabalho foi motivado pelas dificuldades que o Rio Grande do Norte enfrentou em 2017. Diante de tantos desafios, os deputados apresentaram soluções para diferentes questões, como forma de colaborar com o enfrentamento de obstáculos e com a superação da crise”, avaliou o deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa.

Do Executivo Estadual chegaram à Assembleia 41 projetos de lei. Do Tribunal de Justiça, foram três, enquanto o Tribunal de Contas e o Ministério Público enviaram uma matéria cada. A Defensoria Pública do Estado encaminhou dois projetos. Com isso, a Casa encerra o ano contabilizando a apreciação de 173 projetos de lei, sendo 147 ordinárias e 26 complementares.

Instrumentos oficiais para a requisição de pleitos dos deputados aos Poderes, os requerimentos propostos registraram marcas elevadas em 2017. A Assembleia contabilizou a produção de mais de 3 mil requerimentos. Assuntos relacionados ao abastecimento de água no interior do Estado, ações na área da Segurança Pública, Saúde foram os temas mais pautados pelas solicitações parlamentares.

Durante todo o ano, a Assembleia Legislativa também foi palco de debates sobre temas relevantes para a sociedade. Exemplo disso foi a audiência pública que discutiu a importância da doação de órgãos, proposta pelo presidente do Legislativo Estadual, e o lançamento da campanha de incentivo à doação “Doe órgãos. Salve vidas”. Destaque também para a audiência que debateu a proposta de Reforma da Previdência Social, de autoria do deputado Fernando Mineiro (PT), e as ligadas ao apoio do agronegócio.

Além dessas, outras audiências de igual importância também foram promovidas pela Assembleia Legislativa. Ao todo, 61 audiência públicas foram realizadas ao longo do ano, com destaque ainda para o debate sobre o combate ao bullying nas escolas, proposto por Cristiane Dantas (PCdoB); a violência contra a mulher, de Márcia Maia (PSDB); a crise no sistema carcerário, de Kelps Lima (Solidariedade); e a Lei do Artesanato, de Hermano Morais (PMDB).

Ainda de propositura dos parlamentares e visando homenagear instituições, categorias profissionais e pessoas, a Casa Legislativa promoveu 58 sessões solenes, com destaque para a solenidade de entrega das medalhas de Mérito Legislativo à personalidades potiguares, evento que reuniu os deputados estaduais e atraiu grande público à Assembleia Legislativa, encerrando um ano marcado pela alta produtividade e pelo enfrentamento de desafios.

RN: o primeiro natal em Natal sem Wilma de Faria

Foto: Laurivan de Sousa

Este será o primeiro natal em Natal, no Rio Grande do Norte, sem a ex-governadora Wilma de Faria. Ela faleceu no dia 15 de junho deste ano, e deixou muitas saudades nos corações da maioria do norteriograndense.

Para os funcionários públicos, que hoje sofrem as aflições da falta de um calendário de pagamento em dia, Wilma deixou a marca de seu desempenho quanto as responsabilidades de pagar em dia, tanto na prefeitura de Natal, como no governo do Estado, sendo atenciosa a todos que serviam ao serviço público. Foi com Wilma que a Polícia Militar passou a ter um salário mais digno, já que no governo anterior ao dela um soldado da PM não tinha nem condição de cumprir os deveres básico de sua família.

Houve falhas? Sim, mas Wilma enfrentava tudo de cabeça erguida e defendia o Estado com todas as forças que possuía. Lembram da história da ponte do Forte Redinha? Durante o tempo em que Wilma era prefeita, em parceria com o Estado, a ponte seria construída, e seria cobrado pedágio por vinte anos. Mas quando Wilma foi governadora mudou o projeto e presenteou a Zona Norte de Natal com a livre passagem em uma belíssima ponte.

Temos muitas obras em todo Estado feito por Wilma, alguma com destaque como é a Ilha de Santana, em Caicó; em Mossoró aconteceu duplicações de estradas e investimentos na área da cultura e nos hostipais. Wilma foi de fato a governadora de todos,do Seridó, do Agreste, do Trairi, da região do Mato Grande, da região Salineira, do alto, médio, baixo e cetro Oeste. Em 2014 o povo tinha saudade de Wilma, e se estivesse viva hoje seria aclamada pelo povo como governadora para 2018.

Aos amigos conterrâneos, à família de Wilma que conheço quase todos, pois tive o prazer de ser seu fotografo por quase onze anos.

Desejo a todos um feliz e solidário natal, mesmo sem a presença da guerreira, mas com boas lembranças do que ela fez pelo Estado do rio Grande do Norte.

Que Deus nos abençoe!

 

Laurivan de Sousa

 

Quadro mostra a inauguração da ponte Forte a Redinha no governo Wilma

 

Wilma caminha ao lado de grandes lideranças de Currais Novos, entre eles o atual presidente da ALRN, Ezequeiel Ferreira
Wilma e Eduardo Campos, os dois falecidos – Quem imaginaria?
Japi/RN – Wilma era querida pelo povo do RN-  Foto: Laurivan de Sousa
Wilma em Natal – era muito amada – Foto: Laurivan de Sousa
Wilma parava o trânsito em qualquer lugar do RN, aqui um trabalhador, ainda com a poeira de seu trabalho, deseja abraça-la
Wilma era a mulher da bandeira vermelha do RN, mas conseguia aglutinar todas as cores partidárias / Foto: Laurivan de Sousa