Menino que passou por 2 cirurgias recebe visita de cavalo na porta do hospital em SP para acelerar alta

Yuri Maia, 7 anos, tem paixão por cavalos desde os 3 anos. Ele está internado e recebeu a visita da égua Lady Bela — Foto: Glauco Araújo/G1

O menino Yuri Maia, de 7 anos, está internado para tratar osteomielite na perna esquerda há mais de duas semanas. Neste período ele passou por duas cirurgias em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. O tempo de internação até receber alta só deve acabar em dez dias, segundo projeções médicas. Apesar de toda a dificuldade que o garoto passa com a rotina hospitalar, ele nunca deixou de lado a paixão que tem por cavalos.

Foi pensando em animar um pouco mais a recuperação de Yuri que uma equipe multidisciplinar do Hospital Assunção – Rede D’Or São Luiz resolveu surpreender o menino com a visita inusitada de um cavalo, na verdade, da égua Lady Bela, da raça Paint Horse.

As enfermeiras que cuidam de Yuri perceberam que o menino fala a todo tempo sobre cavalos, de como gosta de cavalos e das saudades que tem do Trovão, o cavalo que ganhou de presente do pai, mas que não vê apenas nas férias, quando viaja para a terra natal dos pais, o Ceará.

No começo da tarde desta quinta-feira (19), Yuri saiu do quarto certo de que iria fazer mais uma bateria de raio-X, mas foi surpreendido quando desceu do elevador direto na recepção do hospital. Atrás da porta de vidro estava lá a imponente égua de pelagem e crina brancas, franja ruiva e olhos azuis.

A reação dele foi a de imediatamente abrir um sorriso encabulado e descrente. Assim que as portas automáticas da recepção se abriram e ele foi empurrado em uma cadeira de rodas até perto de Lady Bela Yuri se deu conta de que aquilo tudo era para ele.

Uma das enfermeiras ainda chega a perguntar se ele queria montar, mas ele recusou ainda revestido de toda timidez infantil, mas uma segunda pergunta foi suficiente para que ele aceitasse.

O pai, Josivan Maia, 37 anos, que trabalha como comerciante em São Paulo, mas que é cavaleiro de vaquejada no interior de Fortaleza, não demorou para carregar o filho e colocá-lo na sela.

Durante cerca de 30 minutos, Yuri não tirou o sorriso do rosto e o brilho no olhar. Ele deixou de lado o desconforto das cicatrizes recentes que ele tem na perna em decorrência de duas cirurgias e cavalgou por alguns metros no estacionamento do hospital.

Ali ele ficou alguns minutos alisando a pelagem de Lady Bela. Não demorou muito para ele ganhar o direito de dar uma segunda volta com a égua. Ao fim, ele confidenciou baixinho ao pé do ouvido do pai vaqueiro. “Foi melhor e mais divertido que raio-X”, resumiu Yuri.

Yuri com os pais e a égua que foi visitá-lo no Hospital Assunção — Foto: Glauco Araújo/G1

Fonte: https://g1.globo.com

Leave a Comment