Jovem que foi morto pela própria mãe foi enterrado hoje.

Itaberli Lozano foi encontrado morto em canavial na Rodovia José Fregonezi (Foto: Reprodução/Facebook)
Itaberli Lozano foi encontrado morto em canavial na Rodovia José Fregonezi (Foto: Reprodução/Facebook)

Um jovem que foi morto pela própria mãe, em dezembro de 2016, no Estado de São Paulo, com a ajuda de três outros jovens; depois foi queimado pela mãe e pelo padrasto que procuraram dá sumiço no cadáver, foi enterrado no dia de hoje, 15.

Itaberli Lozano, de 17 anos, foi brutalmente morto dentro de sua casa, pela mãe, Tatiana Lozano Pereira. Mas só agora a polícia consegui concluir o inquérito que apontou a genitora como assassina do adolescente.

De acordo com Henz, a polícia nunca teve dúvidas de que o corpo era mesmo do adolescente. Ele também falou que o laudo não altera o curso da investigação. “Esse segundo laudo agora só vem ao encontro do que já tinha sido feito e confirma que a vítima realmente é o Itaberli. A autoria do crime também permanece inalterada, não há nenhuma dúvida sobre isso”, disse.

Taiana Lozano está presa desde janeiro deste ano na Penitenciária Feminina de Tremembé, SP (Foto: Ronaldo Gomes/EPTV)
Taiana Lozano está presa desde janeiro deste ano na Penitenciária Feminina de Tremembé, SP (Foto: Ronaldo Gomes/EPTV)

 

Fonte:http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/apos-7-meses-de-espera-familia-enterra-corpo-de-jovem-morto-pela-mae-em-cravinhos-sp.ghtml