Incêndio atinge prédios na Ceasa em Natal

Incêndio atingiu depósito e loja de frutas na Ceasa, em Natal — Foto: Jipe Turismo
Incêndio atingiu depósito e loja de frutas na Ceasa, em Natal — Foto: Jipe Turismo

Um incêndio atingiu a Central de Abastecimento do Rio Grande do Norte, conhecida como Ceasa, na madrugada desta terça-feira (20), em Natal.

Pelo menos um depósito de uma distribuidora de produtos de supermercado e uma loja de frutas foram destruídos pelas chamas. O teto do depósito desabou. Não há informações sobre feridos.

O Corpo de Bombeiros começou o combate às chamas ainda na madrugada, antes das 4h, e o trabalho continuou até a manhã desta terça-feira (20). O incêndio foi considerado controlado pouco antes das 8h.

Vários caminhões que chegavam ao local pela madrugada para descarregar alimentos tiveram que ficar do lado de fora e o trânsito da região teve várias interdições.

Cerca de 10 caminhões de combate ao incêndio foram utilizados no trabalho. Pela manhã, um caminhão de água da Marinha também foi cedido para o combate às chamas.

Corpo de Bombeiros combate incêndio na Ceasa em Natal — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

Corpo de Bombeiros combate incêndio na Ceasa em Natal — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

O fornecimento de energia foi cortado pela Companhia de Energia do Rio Grande do Norte (Cosern) e a Central foi fechada ao público, durante o combate às chamas.

Os portões só foram reabertos por volta das 7h30 para parte da central, mas a região onde os prédios atingidos pelo fogo ficam continuou fechada.

Vídeo mostra incêndio durante a madrugada na Ceasa em Natal

Trânsito

A Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal informou que a rua dos Potiguares foi interditada, porém o trânsito acabou sendo liberado por volta das 7h30. Permaneceu interditada apenas a avenida Jerônimo Câmara, entre a rua Jaguarari e Potiguares, sentido rodoviária.

Por causa do incêndio, pelo menos sete linhas de ônibus sofrer desvios ou atrasos: N-08, O-30, O-39, O-40, O-41, O-41A e 599.

A Ceasa é a principal central de abastecimento de alimentos do Rio Grande do Norte e é de onde sai grande parte dos produtos vendidos nos supermercados, mercadinhos e outros estabelecimentos de Natal e cidades próximas.

G1RN