George Soares solicita providências para escola que pode ser interditada em Assu

Crédito da foto: João Gilberto
O deputado estadual George Soares (PR) usou o horário de lideranças na sessão plenária desta terça-feira (23) para solicitar providências do Governo do Estado em relação a Escola Estadual Tenente José Correia, que pode ser interditada por recomendação do Ministério Público Estadual.

“O Ministério Público recomendou a imediata suspensão das aulas por falta de estrutura física e que seja providenciado outro local para que as atividades sejam desenvolvidas. Esta é a primeira escola estadual do interior, foi construída há 40 anos e hoje atende a 700 alunos. Então eu faço aqui um apelo ao Governo e à Secretaria de Educação que essa questão seja solucionada o quanto antes”, disse o parlamentar.

 A Escola Estadual Tenente José Correia foi construída em 1911 e tem problemas estruturais, causando riscos a alunos e professores. Por essa razão o parlamentar está solicitando a sua recuperação. Segundo a recomendação do Ministério Público, assinada pelo promotor Ricardo Manoel da Cruz, a interdição precisa ser imediata. Logo após a sessão ordinária, foi realizada uma sessão extraordinária para leitura de vetos do Governo do Estado a projetos aprovados na Assembleia.
 

 
Assessoria