George Soares defende políticas de investimentos para o setor rural

Em pronunciamento na sessão plenária desta quarta-feira (27), na Assembleia Legislativa, o deputado George Soares (PR) repercutiu a matéria veiculada na imprensa que posiciona o Rio Grande do Norte na última posição da lista que mede o volume de investimentos no Nordeste e quarto no Brasil para o primeiro semestre de 2017. O parlamentar lamentou o dado e cobrou políticas públicas voltadas para o setor rural.

“Esses dados são alarmantes. O Estado entrou em uma roda viva em que não arrecada porque não investe e não investe porque não arrecada. É um ciclo vicioso sem fim. Mas é importante frisar que essa realidade não é apenas desse Governo, e sim uma situação que vem há décadas”, analisa George.

De acordo com informações mencionadas pelo deputado, o RN investiu no primeiro semestre de 2017 um total de R$ 94 milhões, seguido pelo Estado do Sergipe, com R$ 142,6 milhões. A Paraíba, estado vizinho ao RN, investiu mais de R$ 200 milhões.

Na oportunidade, o deputado disse que é preciso que haja mais investimentos do Governo Estadual no setor rural que, segundo ele, possui vocação para a produção de riquezas. “O Estado vem passando desde os anos 70 por um processo absurdo de migração do homem do campo para a cidade. Atualmente, 78% da população está vivendo nas zonas urbanas. Se o RN não investir de forma decisiva na capacidade de produção do campo, vamos continuar vivendo essa situação”, argumenta ele.

Ao final do pronunciamento, George lembrou o projeto do Orçamento Geral do Estado para 2018, que tramita na Casa Legislativa, sugerindo o aprofundamento do debate da matéria. “A Assembleia tem papel fundamental e necessário no processo de direcionamento das políticas para o campo. Que a Casa possa dar a sua contribuição direta, pontual e democrática para aprovarmos um orçamento dentro da realidade”, defendeu.

 

Assessoria