Com gol no último minuto, América-RN vence ABC e é campeão potiguar de 2019

América-RN foi campeão 2019 (Foto: Iuri Seabra/FNF)

No último minuto!

O América-RN é campeão potiguar de 2019! Com um gol no último minuto, o Alvirrubro venceu o ABC por 2 a 1 em um jogo bastante disputado nos dois tempos. Jean Patric abriu o placar para o América-RN e Maurício empatou no segundo tempo. Aos 49, o zagueiro Alison, formado nas bases do Alvirrubro, subiu de cabeça para marcar o gol do título, que o clube não conquistava desde 2015.

  • Primeiro tempo

    O primeiro tempo se mostrou muito disputado. O ABC conseguiu assustar mais em bolas aéreas no início da partida, mas Adenilson respondeu em chute de fora de área. O América-RN conseguiu dominar mais as ações da partida e chegou ao gol no final da primeira etapa com Jean Patric após bonito lance de Pardal e passe de Hiltinho.

  • Segundo tempo

    Precisando do empate para levar o jogo para os pênaltis, o ABC voltou pressionando mais. E conseguiu ganhar terreno no campo. Assim, foi empurrando o América-RN, que se defendia bem, mas não conseguia sair de trás. Ranielle efetou as três mudanças no time antes dos 30 minutos e surtiu efeito, quando Boris Sagredo cobrou falta e Wanderson desviou para Maurício empurrar para as redes. O gol fez com que o América-RN precisasse volta ao ataque. E o jogo voltou a ser lá e cá. O ABC seguiu com mais posse e reclamou muito de um lance, já nos acréscimos, em que Wanderson pediu pênalti de Alison. No lance seguinte, o próprio Alison, subiu, aos 49, para fazer o gol do título.

  • De volta pra casa e pro título

    Formado no América-RN, o zagueiro Alison nunca havia atuado profissionalmente pelo clube. De volta ao clube após mais de 15 anos, ele virou uma espécie de líder do elenco pela experiência e passagens por clubes como Vitória, Bahia e América-MG. E o destino reservou na história que fosse do defensor, que entrou no segundo tempo de jogo, o gol do títuloa americano, no último minuto de partida. Ele desviou cobrança de escanteio de Adenilson na primeira trave para balançar as redes aos 49 do segundo tempo.

Fonte: https://globoesporte.globo.com