Category: Economia

Trabalhou com carteira de 1999 a 2013? Pode ampliar FGTS com ação até 13/11

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Prazo para trabalhador ingressar com ação na Justiça contra Caixa termina em 13/11
  • Ação é para trocar indexador de atualização do FGTS entre 1999 e 2013: da atual TR (Taxa Referencial) para índices que medem inflação
  • Diferença acumulada entre TR e INPC no período é de 68%, segundo advogado
  • Só podem mover ação pessoas que tenham trabalhado com carteira assinada em algum período entre 1999 e 2013

Quem trabalhou com carteira assinada em algum período entre 1999 e 2013 e quiser entrar na Justiça para tentar aumentar a correção do dinheiro do FGTS precisa correr. O prazo final para ingressar com uma ação termina na quarta-feira (13/11/19). Após essa data, o direito de entrar com a ação prescreve. Mesmo quem já sacou os recursos do FGTS ou já é aposentado pode pedir na Justiça o valor a mais a que teria direito…. – Veja mais em https://economia.uol.com.br/empregos-e-carreiras/noticias/redacao/2019/11/09/revisao-correcao-saldo-fgts.htm?cmpid=copiaecola

Fonte: https://economia.uol.com.br/empregos-e-carreiras/

Homens têm até terça para se inscrever no INSS e pagar 5 anos a menos

Para as mulheres, o tempo mínimo de contribuição segue em 15 anos, tanto antes quanto depois do texto entrar em vigor (Carl de Souza/AFP)

Homens que não estão inscritos no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) tem até terça-feira 12 para se filiar e garantir um tempo menor de recolhimentos para se aposentar. Isso porque uma das regras incluídas pelos parlamentares na tramitação da reforma da Previdência baixa de 20 para 15 anos o tempo mínimo de contribuição, a chamada carência, para trabalhadores que forem filiados ao instituto até a data da promulgação do texto. O presidente do Congresso, Davi Alcolumbre (DEM-AP), marcou para terça-feira a cerimônia. A partir daí, as novas regras para a aposentadoria entram em vigor.

A reforma da Previdência passa a exigir idade mínima de 62 anos para mulheres e 65 anos para os homens, além de tempo de contribuição de 15 anos para elas e 20 para eles. Essas regras valem para quem ainda não está no mercado ou não é segurado do INSS. Quem já está pode ter acesso a uma das regras de transição e conseguir se aposentar antes.

Para se filiar ao INSS é necessário ter, no mínimo, 16 anos de idade. Quem trabalha ou já atuou com carteira assinada já é automaticamente segurado do instituto e não precisa fazer a inscrição. Caso não tenha vínculo, é preciso se inscrever como contribuinte individual e começar a contribuir com a Previdência. A medida pode beneficiar principalmente jovens que ainda não entraram no mercado de trabalho.

Fonte: https://veja.abril.com.br/economia

Pagamento de 13º salário deve injetar R$ 2,3 bilhões na economia do RN, diz Dieese

Pagamento de 13º salário deve injetar R$ 2,3 bilhões na economia do RN — Foto: Canindé Soares

O pagamento do 13º salário dos potiguares deve injetar R$ 2,3 bilhões na economia potiguar. O dado foi divulgado nesta terça-feira (5) pelo Dieese. Esse montante representa em torno de 3,4% do PIB estadual.

O número de pessoas que receberá o 13º no Estado foi estimado em 1,106 milhão, equivalente a 1,37% do total que terá acesso ao benefício no Brasil. Em relação ao Nordeste, equivale a 6,57%.

No estado, os empregados do mercado formal, celetistas ou estatutários, representam 55,3%, enquanto pensionistas e aposentados do INSS equivalem a 44,7%. O emprego doméstico com carteira assinada responde por 1,4%.

De acordo com o levantamento do Dieese, a distribuição dos valores por segmento é a seguinte:

  • Empregados formalizados ficam com 67,8% (R$ 1,560 bilhão)
  • Beneficiários do INSS ficam com 22,7% (R$ 521,812 milhões)
  • Aposentados e pensionistas do Regime Próprio do estado ficam com 9,2% (R$ 211,574 milhões)
  • Aposentados e pensionistas do regime Próprio dos municípios ficam com 0,4% (R$ 8,874 milhões).

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/

Bandeira vermelha entra em vigor e contas de luz ficam mais caras a partir desta sexta

A partir desta sexta (1º), entra em vigor a bandeira tarifária vermelha patamar um. E com ela, um custo extra nas contas de luz dos brasileiros.

O período historicamente chuvoso voltou, mas a mudança na tarifa de energia está ligada a previsão de chuvas abaixo da média e a seca dos meses anteriores.

“A gente precisa de três meses de chuva boa pra gente conseguir uma redução de preço da energia elétrica”, diz Giordano Matos, gerente de tarifas da Cemig.

Em novembro, a tarifa entra na bandeira vermelha patamar um. A seca reduziu os níveis dos reservatórios das usinas hidrelétricas.

Fonte: https://blogdofelipesilva.com/2019

Saque imediato do FGTS 2019: Saiba quanto você vai receber ainda em 2019

Já é de conhecimento público que em setembro começa a liberação do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Será possível sacar o valor de R$ 500, sendo que essa liberação inclui contas que ainda estão recebendo depósito do empregador atual bem como de contas inativas, ou de empregos anteriores. A liberação pode beneficiar cerca de 96 milhões de trabalhadores. Mas quem pode sacar esse dinheiro? Qual o calendário de saques? É obrigatório? Fique sabendo a seguir.

Quem pode sacar os R$ 500 do FGTS?

Esse saque pode ser feito por trabalhadores com contas ativas e inativas do FGTS, independente do saldo. Se o trabalhador tiver menos que esse valor (menos de R$ 500) em sua conta do FGTS, ele poderá fazer a retirada do dinheiro que tiver.

Como funciona?

A Caixa Federal estipulou um calendário de saques que envolve o aniversário do trabalhador. Os cronogramas são para quem tem conta poupança na Caixa e outro para quem não tem conta poupança.

Novo cronograma do FGTS

O trabalhador deverá seguir o novo calendário de pagamento divulgado pela CAIXA para receber os valores do FGTS:

Nascidos em Janeiro – Saque a partir do dia 18 de outubro;

Nascidos em Fevereiro e Março – Saque a partir do dia 25 de outubro;

Nascidos em Abril e Maio – Saque a partir do dia 08 de novembro;

Nascidos em Junho e Julho – Saque a partir do dia 22 de novembro;

Nascidos em Agosto – Saque a partir do dia 29 de novembro;

Nascidos em Setembro e Outubro – Saque a partir do dia 06 de dezembro;

Nascidos em Novembro e Dezembro – Saque a partir do dia 18 de dezembro.

A data limite para recebimento dos valores continua sendo 31 de março de 2020. Caso o saque não seja feito até essa data, os valores retornam para a conta de FGTS do trabalhador, sem qualquer ônus.

Transferência para outros bancos – Nos saques feitos na agência, a CAIXA não cobrará tarifa quando o trabalhador optar por transferir o valor do Saque Imediato para outras instituições financeiras.

É obrigatório sacar os R$ 500 do FGTS?

Não. Mas, para quem tem conta poupança na Caixa, o depósito é feito automaticamente. Os correntistas que não quiserem sacar os valores devem informar ao banco, por meio dos canais disponíveis, até o dia 30 de abril de 2020. Quem tem conta corrente terá que autorizar o depósito do dinheiro.

Quem não tem conta corrente na Caixa (não conta poupança) devem autorizar o depósito do dinheiro.

Quem não tiver conta na Caixa não é obrigado a retirar o dinheiro e nem precisa comunicar ao banco que não fará o saque.

O que acontece com o dinheiro não sacado?

As contas do FGTS rendem ao menos 3% ao ano, mais Taxa Referencial, uma taxa de juros calculada pelo Banco Central, e um percentual do lucro líquido do fundo.

De acordo com o G1, o governo anunciou que haverá a distribuição de 100% do lucro do FGTS aos trabalhadores a partir deste ano, o que vai gerar um rendimento superior à variação da poupança. Ou seja, R$ 12 bilhões do lucro do FGTS em 2018 serão distribuídos aos trabalhadores já a partir deste mês.

Como os saques podem ser efetuados?

  • Caixas eletrônicos: é preciso apresentar CPF e senha do Cartão Cidadão.
  • Caixa Aqui: necessário documento de identificação com foto e Cartão Cidadão com senha.
  • Casas lotéricas: para saques em contas com saldo de até R$ 100, é preciso apresentar apenas documento de identidade original com foto e número do CPF. Para saques de outros valores (até o limite de R$ 500 por conta), é necessário o Cartão Cidadão e a senha.
  • Agências da Caixa: apresentação de documento de identidade original com foto e número do CPF – as agências abrirão duas horas mais cedo e aos sábados nos primeiros dias de cada calendário – veja todas as datas aqui.

Quem tem mais de uma conta de FGTS, pode sacar até R$ 500 de cada uma das contas?

Sim, é possível fazer a retirada de até R$ 500 de cada conta vinculada que o trabalhador tiver. Porém, se ele tiver uma conta com um valor inferior a R$ 500, poderá sacar o valor total que tiver na conta.

Quem sacar o dinheiro do FGTS perde o direito à multa de 40% sobre o saldo?

Não perderá o direito à multa de 40% sobre o valor total da conta vinculada nem à retirada integral do valor do FGTS em caso de demissão sem justa causa.

É permitido transferir o dinheiro para outros bancos?

Sim, de acordo com o G1, quem não tiver conta na Caixa e quiser transferir o dinheiro para outro banco pode fazer isso no momento em que for fazer o saque na agência, sendo necessário apresentar documento de identidade original com foto e número do CPF no local. Porém, essa operação pode ter cobrança de taxa.

Os correntistas da Caixa também terão até 30 de abril de 2020 para pedir a transferência do valor para outra instituição financeira.

O saque de até R$ 500 valerá também para os outros anos?

Não, o saque de R$ 500 será feito somente uma vez pelo trabalhador.

A forma de fazer saques anuais é com a modalidade de saque-aniversário, que poderá ser feito uma vez por ano, de acordo com o mês de aniversário do trabalhador. Nesse caso, os saques vão começar em abril de 2020. Os interessados em migrar para a modalidade de saque-aniversário devem comunicar a decisão à Caixa Econômica a partir de 1º de outubro deste ano.

A partir de 2021, O saque deverá ser feito no mês do aniversário podendo ser até os dois meses seguintes.

Os saques anuais permitem a retirada do FGTS no caso de demissão sem justa causa?

Não, o trabalhador fica impedido de retirar o valor integral do FGTS na rescisão do contrato de trabalho. Porém, ele continua tendo direito ao pagamento da multa dos 40% em cima do valor total. Se o trabalhador quiser retornar ao chamado saque-rescisão, poderá fazer isso somente após dois anos a partir da data de adesão ao saque-aniversário.

O trabalhador que optar pelo saque-aniversário continua tendo direito à retirada do saldo do FGTS para a casa própria, em caso de doenças graves, de aposentadoria e de falecimento do titular e para as demais hipóteses previstas em lei para o saque.

Notícia Consumo

Concursos: pelo menos 10 órgãos abrem inscrições nesta segunda-feira para 1,8 mil vagas

selo concursos opcao 02 — Foto: Editoria de arte/G1

Pelo menos dez órgãos públicos abrem as inscrições nesta segunda-feira (28) para concursos públicos. Juntos, eles oferecem 1.815 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade.

Só na Prefeitura de Rondonópolis, no Mato Grosso, são ofertadas 1.155 vagas – todas para cargo de nível médio.

Já na Prefeitura de Ipiúna, em Minas Gerais, há 58 vagas disponíveis com salários que podem chegar a R$ 10.031,23.

Veja abaixo os detalhes dos concursos que abrem inscrições nesta segunda:

Prefeitura de Rondonópolis (MT)

  • Inscrições: até 20/11/19
  • 1.155 vagas
  • Salários de até R$ 1.358,72
  • Cargos de nível médio
  • Veja o edital

Prefeitura de Ipiúna (MG)

  • Inscrições: até 28/11/19
  • 58 vagas
  • Salários de até R$ 10.031,23
  • Cargos de nível fundamental, médio e superior
  • Veja o edital

Prefeitura de Redenção (CE)

  • Inscrições: até 24/11/19
  • 310 vagas
  • Salários de até R$ 2.420,00
  • Cargos de nível fundamental, médio e superior
  • Veja o edital

Consórcio Inter. para Assistência da Criança e do Adolescente -CIACA (MG)

  • Inscrições: até 27/11/19
  • 20 vagas
  • Salários de até R$ 1.936,00
  • Cargos de nível fundamental, médio e superior
  • Veja o edital

Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Mantena (MG)

  • Inscrições: até 27/11/19
  • 16 vagas
  • Salários de até R$ 2.051,63
  • Cargos de nível fundamental e médio
  • Veja o edital

São Paulo Previdência (SPPrev)

  • Inscrições: até 13/11/19
  • 91 vagas
  • Salários de até R$ 5.384,42
  • Cargos de nível médio e superior
  • Veja o edital

Prefeitura de Laguna (SC)

  • Inscrições: até 27/11/19
  • 51 vagas
  • Salários de até R$ 9.210,60
  • Cargos de nível médio e superior
  • Veja o edital

Prefeitura de Porto Alegre do Piauí (PI)

  • Inscrições: até 08/11/19
  • 40 vagas
  • Salários de até R$ 5.568,11
  • Cargos de nível fundamental, médio e superior
  • Veja o edital

Prefeitura de Matupá (MT)

  • Inscrições: até 08/11/19
  • 57 vagas
  • Salários de até R$ 4.121,11
  • Cargos de nível fundamental, médio e superior
  • Veja o edital

Polícia Militar da Bahia (BA)

  • Inscrições: até 26/11/19
  • 17 vagas
  • Salários de até R$ 7.164,19
  • Cargos de nível superior
  • Veja o edital

Fonte: https://g1.globo.com/economia/concursos-e-emprego

Fruticultura do RN assina acordo de exportação de frutas para China e prevê criação de 10 mil empregos

Melão produzido é um dos produtos potiguares líderes de exportação (arquivo) — Foto: Anderson Barbosa/G1

O setor de fruticultura do Rio Grande do Norte fechou um acordo para abertura do mercado chinês à produção de melão potiguar. O acordo para a exportação foi assinado no país asiático na madrugada da última quarta-feira (23) e a expectativa do setor é de que o potencial do mercado resulte na geração de 10 mil novos empregos diretos nos próximos três anos. O estado é o maior exportador de melão no país.

A informação foi divulgada pelo governo do estado. De acordo com o Poder Executivo, os primeiros contêineres com frutas produzidas no estado devem ser enviados à China a partir de fevereiro, consolidando a exportação plena a partir da safra 2020-2021.

O setor de fruticultura do Rio Grande do Norte fechou um acordo para abertura do mercado chinês à produção de melão potiguar. O acordo para a exportação foi assinado no país asiático na madrugada da última quarta-feira (23) e a expectativa do setor é de que o potencial do mercado resulte na geração de 10 mil novos empregos diretos nos próximos três anos. O estado é o maior exportador de melão no país.

Em julho deste ano, uma missão formada por diplomatas e empresários chineses visitou as plantações de melão no Oeste Potiguar. A visita foi articulada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico (Sedec), junto à embaixada chinesa em Recife para aproximar as relações e buscar novos negócios. Em maio, empresários potiguares também participaram de uma comitiva brasileira, montada pelo Ministério da Agricultura, que visitou a Ásia.

Presidente da a Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas), da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Fruticultura do MAPA, e do Comitê Executivo de Monitoramento da Mosca das Frutas (Coex), o produtor Luiz Roberto Barcellos afirmou ao G1, em abril, que as negociações com a China para a entrada do melão brasileiro no país já duravam cinco anos. Os chineses temiam, por exemplo, a entrada de pragas como a mosca-da-fruta. Porém, o estado é livre dela.

Visita

A Cônsul Geral da República Popular da China no Brasil, Yan Yuqing, visitou a Agrícola Famosa – maior produtora no estado – em julho, quando veio ao Rio Grande do Norte trazendo uma comitiva para avaliar as potencialidades e buscar possíveis investimentos para o estado. “Em dois anos, poderíamos exportar duas vezes a quantidade de melão que exportamos hoje”, justificou o empresário Luís Barcelos, que já comercializa seu produto para países como Inglaterra, Holanda, Alemanha, Itália, Portugal, Espanha, Chile e Argentina.

Durante a passagem dos chineses no estado, foi realizada uma rodada de negócios onde foram discutidas áreas de interesse comum entre os países, como energias renováveis, agricultura, indústria, transporte, infraestrutura urbana, entre outras.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/

No RN, 71 mil trabalhadores nascidos em janeiro podem fazer saque imediato do FGTS a partir de sexta (18)

Saque imediato será liberado nesta sexta-feira (18) para não correntistas nascidos em janeiro — Foto: Almir Gadelha/TV Verdes Mares

Os trabalhadores do Rio Grande do Norte nascidos no mês de janeiro – e que não são correntistas da Caixa Econômica Federal (CEF) – vão poder fazer o saque imediato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) a partir desta sexta-feira (18), data em que ocorre a liberação em todo o país. Ao todo, 71.779 pessoas poderão fazer uso desse direito no estado.

De acordo com a Caixa, todas as agências do RN vão estar abertas na sexta-feira a partir das 8h até às 16h. No sábado (19), 25 agências estarão abertas, funcionando das 9h às 15h para o atendimento aos trabalhadores com direito ao saque imediato. O valor total dos saques no estado corresponde a R$ 24,5 milhões.

O saque não é obrigatório e cada trabalhador pode retirar R$ 500 de cada conta – seja ela ativa ou inativa. O período de saques é dividido pelos meses de nascimento de cada trabalhador (veja cronograma abaixo). Ao todo, essa medida pode atingir 4,1 milhões de pessoas no Brasil nesta etapa.

Veja detalhes do saque imediato

Como será: os saques serão realizados uma única vez, ou seja, se o trabalhador retirar o dinheiro, ele não terá direito a novo saque.

Adesão: o dinheiro será liberado automaticamente para quem tem conta poupança individual na Caixa. Os beneficiários com conta corrente ou conjunta na Caixa devem autorizar o depósito automático do dinheiro. Quem não tem conta na Caixa não precisa informar o banco se vai ou não sacar o dinheiro. Se decidir retirar o valor, basta sacar o dinheiro nas lotéricas ou caixas eletrônicos.

Prazo: o calendário já começou e os saques poderão ser feitos até o dia 31 de março de 2020. Em uma primeira etapa, tiveram o dinheiro liberado somente os correntistas da Caixa e em seguida quem não tem conta no banco.

Impedimento: quem opta pela modalidade não fica impedido de retirar o valor total em caso de demissão sem justa causa. Isso ocorre apenas no saque-aniversário.

Fonte: https://g1.globo.com

Governo do RN paga metade da folha salarial de outubro nesta terça-feira (15)

Salários dos servidores do RN serão depositados nesta terça-feira (15) — Foto: Reprodução/Rede Amazônica

O Governo do Estado informou que começa nesta terça-feira (15) o pagamento dos salários de outubro, com o depósito de pouco mais de R$ 204 milhões na conta de mais de 90 mil servidores estaduais. A segunda parcela do pagamento está prevista para o próximo dia 30 de outubro. O estado ainda não estima data para pagamento de folhas que estão atrasadas.

De acordo com a administração estadual, os R$ 204.192.666,68 milhões pagos nesta terça correspondem ao salário dos servidores quem recebe até R$ 3 mil (valor bruto) e 30% do salário dos servidores que ganham acima desse valor, além do pagamento integral à categoria da Segurança Pública.

No próximo dia 30, recebem o salário integral os servidores das pastas com recursos próprios e da Educação, além dos 70% restantes de quem ganha acima de R$ 3 mil, concluindo a folha de R$ 494.617.230,58 milhões do mês de outubro. Ainda de acordo com o governo, todas as datas são válidas para ativos, inativos e pensionistas.

Calendário

A data de pagamento para os meses de novembro e dezembro também deverão respeitar duas datas, no meio e no fim do mês. A parcela para receber integral na metade do mês aumentará de R$ 3 mil para R$ 4 mil. E a segunda para quem recebe acima desse valor será depositada no dia 30 de novembro e no dia 27 de dezembro.

O governo ainda garantiu que o pagamento do 13º salário será realizado até fim do ano, em data ainda a ser definida. Quanto às três folhas em atraso desde 2018, a gestão informou que está trabalhando para levantar os recursos.

Fonte: https://g1.globo.com

Receita Federal abre consultas ao 5º lote do IR 2019

A Secretaria da Receita Federal abriu nesta terça-feira (8) as consultas ao quinto lote de restituição do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) de 2019, e a lotes residuais de anos anteriores.

Segundo o Fisco, serão contemplados 2.703.715 contribuintes no quinto lote. Os valores das restituições totalizarão R$ 3,5 bilhões, sendo R$ 3,35 bilhões somente para o IR 2019 — ano-base 2018. Os depósitos serão feitos em 15 de outubro.

As consultas podem ser feitas pelo site da Receita Federal na internet. Também é possível consultar pelo aplicativo para tablets e smartphones ou pelo Receitafone 146.

Entre aqueles que receberão a restituição do terceiro lote estão:

  • contribuintes idosos: 4.848 pessoas acima de 80 anos e 36.634 contribuintes entre 60 e 79 anos;
  • 4.281 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave;
  • 17.056 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério — com prioridade no recebimento dos valores.

Neste ano, a Receita Federal recebeu 30.677.080 declarações até 30 de abril, prazo final para a entrega do documento sem multa. O órgão esperava receber 30,5 milhões de declarações.

Malha fina

Segundo o Fisco, é possível checar se a declaração foi processada. E se ela estiver já na fila de pagamentos, as informações prestadas estão coerentes com o banco de dados da Receita. Isso indica que a declaração, a princípio, não tem pendências (a Receita Federal tem até cinco anos para pedir esclarecimentos sobre as declarações).

A verificação pode ser feita pelo serviço Meu Imposto de Renda da Receita Federal. Para isso, é preciso gerar um código de acesso, a partir do número do CPF, data de nascimento e recibos de entrega das duas últimas declarações.

Fonte: https://g1.globo.com/economia

Em Natal, cesta básica registra queda e preço médio é de R$ 352,57 em setembro

Cesta básica de Natal é a terceira mais barata entre capitais pesquisadas, segundo o Dieese.  — Foto: Divulgação
Cesta básica de Natal é a terceira mais barata entre capitais pesquisadas, segundo o Dieese. — Foto: Divulgação

O preço médio da cesta básica de alimentos em Natal ficou em R$ 352,57 no mês de setembro, de acordo com o Departamento Intersindical de Estudos Econômicos e Sociais (Dieese). O valor significou redução de -0,53% em relação ao custo em agosto. Esse foi o terceiro menor preço registrado entre as 17 capitais pesquisadas.

De acordo com o órgão, em 12 meses, a variação acumulada foi de 6,74%. No acumulado de janeiro a setembro de 2019, a variação foi de 3,27%.

Em 12 meses, de setembro do ano passado até agora, o feijão carioquinha foi o que mais teve aumento de preço (41,05%). O tomate aumentou 34,18%, a banana, 15,63%. Os produtos foram seguidos pelo óleo de soja (8,04%), arroz agulhinha (7,23%), açúcar (6,79%), manteiga (5,48%), pão francês (4,28%) e carne bovina de primeira (2,51%).

O trabalhador natalense cuja remuneração equivale ao salário mínimo precisou cumprir jornada de trabalho de 77 horas e 43 minutos, em setembro de 2019, para comprar a cesta. Em agosto, o tempo necessário foi de 78 horas e 44 minutos. Já em setembro de 2018, a jornada média era de 76 horas e 10 minutos.

Em setembro de 2019, o custo da cesta em Natal comprometeu 38,40% do salário mínimo líquido (após os descontos previdenciários), percentual menor que o de agosto (38,60%). Em setembro de 2018, equivalia a 37,63%.

G1

Concursos: mais de 200 seleções estão com inscrições abertas para preencher quase 23 mil vagas

Mais de 200 concursos estão com inscrições abertas nesta segunda-feira (30) para preencher quase 23 mil vagas. As oportunidades são para profissionais de todos os níveis de escolaridade, e em diferentes estados.

CONFIRA AQUI A LISTA COMPLETA DE CONCURSOS E OPORTUNIDADES

Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva – ou seja, os candidatos aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.

Somente na Prefeitura de Senador Canedo (GO) há mais de 3 mil vagas, com salários que chegam a R$ 3.160,16. Podem se candidatar profissionais com nível fundamental, médio e superior de escolaridade. É preciso se inscrever até o dia 10 de outubro pelo site da organizadora.

Já o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) tem mais de 2,6 mil vagas para profissionais de nível médio e superior de escolaridade. A remuneração chega a R$ 3.100,00, e as inscrições vão até o dia 15 de outubro.

Os salários chegam a R$ 30.404,42 no Ministério Público de Minas Gerais, que tem 50 vagas para profissionais de nível superior de escolaridade. As inscrições terminam no dia 11 de outubro, e o edital pode ser encontrado no site da organizadora.

A remuneração também chega a R$ 30.404,42 no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, que tem 50 vagas para profissionais de nível superior de escolaridade. As inscrições terminam no dia 25.

Já a Fundação de Saúde Pública de Novo Hamburgo (FSNH) tem salários de até R$ 15.246,90. A seleção tem 13 vagas para profissionais com nível superior de escolaridade. É preciso se inscrever até o dia 6 de outubro pelo site da organizadora.

Somente nesta segunda, 12 concursos abrem inscrições para preencher mais de 1,1 mil vagas. Veja quais são:

Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô)

  • Inscrições até: 23/10/2019
  • Vagas: 50
  • Salário máximo: R$ 8.966,15
  • Escolaridade: superior
  • Estado: São Paulo
  • Veja o edital

Fundação do ABC

  • Inscrições até: 30/10/2019
  • Vagas: 8
  • Salário máximo: R$ 7.956,00
  • Escolaridade: fundamental, médio, técnico e superior
  • Estado: São Paulo
  • Veja o edital

Fundação Estadual de Planejamento Metropolitano e Regional (Metroplan) – RS

  • Inscrições até: 11/10/2019
  • Vagas: 38
  • Salário máximo: R$ 4.857,11
  • Escolaridade: médio e superior
  • Estado: Rio Grande do Sul
  • Veja o edital

Prefeitura de Buritis (MG)

  • Inscrições até: 30/10/2019
  • Vagas: 125
  • Salário máximo: R$ 5.181,53
  • Escolaridade: fundamental, médio e superior
  • Estado: Minas Gerais
  • Veja o edital

Prefeitura de Campo Verde (MT)

  • Inscrições até: 29/10/2019
  • Vagas: 30
  • Salário máximo: R$ 1.374,45
  • Escolaridade: médio
  • Estado: Mato Grosso
  • Veja o edital

Prefeitura de Guaxupé (MG)

  • Inscrições até: 31/10/2019
  • Vagas: 23
  • Salário máximo: R$ 2.892,70
  • Escolaridade: fundamental, médio, técnico e superior
  • Estado: Minas Gerais
  • Veja o edital

Prefeitura de Itaiópolis (SC)

  • Inscrições até: 30/10/2019
  • Vagas: 71
  • Salário máximo: R$ 10.199,61
  • Escolaridade: técnico e superior
  • Estado: Santa Catarina
  • Veja o edital

Prefeitura de Nova Iguaçu de Goiás (GO)

  • Inscrições até: 13/10/2019
  • Vagas: 62
  • Salário máximo: R$ 2.200,00
  • Escolaridade: alfabetizado, médio e superior
  • Estado: Goiás
  • Veja o edital

Prefeitura de Porto Seguro (BA)

  • Inscrições até: 27/10/2019
  • Vagas: 579
  • Salário máximo: R$ 8.333,60
  • Escolaridade: médio, técnico e superior
  • Estado: Bahia
  • Veja o edital

Prefeitura de Urupá (RO)

  • Inscrições até: 04/10/2019
  • Vagas: 13
  • Salário máximo: R$ 3.801,23
  • Escolaridade: superior
  • Estado: Rondônia
  • Veja o edital

Secretaria Municipal de Saúde de Vitória (ES)

  • Inscrições até: 30/10/2019
  • Vagas: 142
  • Salário máximo: R$ 8.143,00
  • Escolaridade: fundamental, médio e superior
  • Estado: Espírito Santo
  • Veja o edital

Secretaria Municipal de Saúde de Vitória (ES)

  • Inscrições até: 30/10/2019
  • Vagas: 9
  • Salário máximo: R$ 1.250,00
  • Escolaridade: fundamental
  • Estado: Espírito Santo
  • Veja o edital

Fonte: https://g1.globo.com/economia

País cria 121 mil vagas de emprego em agosto, melhor resultado para o mês em seis anos, diz governo

A economia brasileira criou 121.387 empregos com carteira assinada em agosto, segundo números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quarta-feira (25) pelo Ministério da Economia.

O resultado é o melhor para meses de agosto deste 2013, quando foram gerados 127.648 postos de emprego formal. No ano passado, foram criadas 110.431 vagas formais.

O saldo é a diferença entre as contratações e a demissões. Em agosto, o país registrou 1.382.407 contratações e 1.261.020 demissões.

De janeiro a agosto de 2019 foram criados 593.467 empregos com carteira assinada, segundo informou o ministério.

Setores

Em agosto, o saldo de empregos foi positivo em seis setores econômicos e negativo em dois.

Os setores que demitiram mais do que contrataram foram Agropecuária (-3.341) e Serviços Industriais de Utilidade Pública (-77).

Outros setores:

  • Serviços: criadas 61.730 vagas;
  • Comércio: 23.626 vagas;
  • Indústria de Transformação: 19.517 vagas;
  • Construção Civil: 17.306 vagas;
  • Administração Pública: 1.391 vagas
  • Extrativa Mineral: 1.235 vagas

Estados

O estado de São Paulo foi o que mais gerou postos formais em agosto (33.298 vagas), seguido por Rio de Janeiro (11.810) e Pernambuco (10.431).

O estado que mais fechou postos de trabalho foi o Rio Grande do Sul. Em agosto, o saldo entre admissões e demissões ficou em 1.988. Sergipe também fechou postos de trabalho (- 625).

Salário

Segundo dados do Ministério da Economia, em agosto, o salário médio de admissão foi de R$ 1.619,45, valor 9,3% inferior ao que o salário médio de desligamento, que foi de R$ 1.769,59.

Segundo o Ministério da Economia, em relação a julho o salário médio de admissão teve aumento real de 0,44% e o salário de desligamento aumentou 0,09%.

Fonte: https://g1.globo.com/economia

Petrobras aumenta preço do diesel em 4,2% e da gasolina em 3,5%

A Petrobras vai elevar o preço médio do diesel nas refinarias em 4,2%, e o da gasolina em 3,5% a partir desta quinta-feira (19). A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa da estatal nesta quarta.

O repasse ou não do aumento para os consumidores finais fica a critério das distribuidoras e postos.

O reajuste vem após a disparada nos preços do barril do petróleo no mercado internacional na segunda-feira (16), em consequência dos ataques a instalações petroleiras na Arábia Saudita no fim de semana. O incidente baixou pela metade a produção do maior exportador da commodity do mundo.

Na segunda-feira, a estatal afirmou que manteria o preço dos combustíveis até que os valores do petróleo se acomodassem.

Após a disparada, os preços da commodity vêm caindo desde terça-feira, compensando parte do aumento, depois que a Arábia Saudita anunciou já havia restabelecido parcialmente sua produção e que uma retomada por completo será rápida. De sexta-feira até agora, o barril do Brent -referência internacional– acumulou alta de 5,6%, fechando nesta quarta-feira a US$ 63,60 por barril, segundo a agência Reuters.

Política de preços

A política de reajustes de preços da Petrobras leva em conta as cotações internacionais, além de outras variáveis. O presidente do Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom), Sérgio Araújo, disse que os reajustes desta quarta dão claro sinal de que a empresa está caminhando para praticar preços alinhados com o mercado internacional. “Aguardar a estabilização dos preços após o evento na Arábia Saudita era necessário.”

O chefe da área de óleo e gás da consultoria INTL FCStone, Thadeu Silva, aponta que a Petrobras está “seguindo as condições de mercado”. “O ajuste que ela fez (no diesel) está muito próximo do que reflete a paridade de importação no mercado internacional agora. Então está equalizando as condições de mercado”, disse à Reuters.

Fonte: https://g1.globo.com/economia

Receita paga nesta segunda restituições do 4º lote do IR 2019

IR 2019 — Foto: Arte G1

A Receita Federal paga nesta segunda-feira (16) as restituições do quarto lote do Imposto de Renda2019. O lote inclui também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

CLIQUE AQUI para consultar se você está no lote de restituição.

Serão pagos pelo fisco R$ 3,5 bilhões a 2,8 milhões de contribuintes. O crédito será corrigido em 3,08%, de acordo com a remuneração da Selic entre maio e setembro deste ano.

SAIBA TUDO SOBRE O IR 2019

Como consultar sua restituição

As consultas podem ser feitas pela página da Receita Federal na internet. Há, ainda, o aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF, diretamente nas bases de dados da Receita Federal. Veja como fazer:

Pelo telefone

  • Ligando para o Receitafone, no número 146

Pelo computador

Consulta IRPF 2019 — Foto: Reprodução

Digite seu CPF (apenas números), data de nascimento e os caracteres de verificação (captcha), e clique em “consultar”.

Malha fina

O Fisco lembra que é possível checar se a declaração foi processada. E se ela estiver já na fila de pagamentos, as informações prestadas estão coerentes com o banco de dados da Receita – indicando que a declaração, a princípio, não tem pendências (a Receita Federal tem até cinco anos para pedir esclarecimentos sobre as declarações).

A verificação pode ser feita pelo serviço Meu Imposto de Renda, da Receita Federal. Para isso, é preciso gerar um código de acesso, a partir do número do CPF, data de nascimento e recibos de entrega das duas últimas declarações.

Veja as datas de pagamento dos lotes próximos de restituição do IR neste ano:

  • 5º lote, em 15 de outubro de 2019;
  • 6º lote, em 18 de novembro de 2019;
  • 7º lote, em 16 de dezembro de 2019.

Fonte: https://g1.globo.com/economia