Archive for janeiro 8th, 2022

Lojistas de Natal investem em liquidações agressivas para zerar estoques de fim de ano

Saldão de economia, Shopping Partagem, Sexta Feira, 07 de Janeiro de 2022/Natal/ Repórter Felipe Salustino, Foto.Magnus Nascimento

Os lojistas de Natal investem nesta primeira semana do ano em liquidações agressivas. Como forma de desaguar os estoques formados para vendas de fim de ano, as grandes redes de eletrodomésticos e lojas em shoppings locais anunciaram promoções que podem chegar até 80%.

Por causa da liquidação, uma grande fila se formou já nas primeiras horas do dia no Partage Norte Shopping, principal centro de compras da zona Norte da capital. A loja localizada no shopping estava entre as diversas do País que aderiram às promoções.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal), José Lucena, destaca que esse é o momento de as lojas fazerem bons negócios, ocasião que é oportuna também para os clientes.

Tribuna do Norte /BG

Prefeituras vão receber primeira parcela do FPM com aumento de 25,6%

Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas

O Fundo de Participação dos Municípios (FPM) a ser creditado nesta segunda-feira (10), nas contas das 167 prefeituras potiguares, referente ao primeiro decêndio de janeiro, terá um crescimento de 25,60% em relação ao mesmo período do ano passado, sem descontar a inflação.

O decêndio do mês, no valor de R$ 5.426.106.265,14 para os municípios de todo o país, já desconta a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Em valores brutos, incluindo o Fundeb, o montante é de R$ 6.782.632.831,43.

No caso dos municípios do Rio Grande do Norte, o repasse bruto será de R$ 168.138.451,05 e o valor líquido será de R$ 132.829.376,33.

Conforme levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), o repasse líquido de Natal ficou em R$ 16.650.675,68 e em seguida aparecem Mossoró e Parnamirim, com R$ 4.824.102,67. São Gonçalo do Amarante vai receber R$ 2.431.509,17.

A maioria dos municípios (93) têm coeficiente 0.6, receberão líquidos R$ 455.907,97 e os 30 municípios de coeficiente 0.8 ficaram com repasses de R$ 607.877,29 na primeira cota do FPM de janeiro.

De acordo com os dados da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), o primeiro decêndio de janeiro de 2022, comparado com mesmo decêndio do ano anterior, apresentou um crescimento de 25,60%. Quando o valor do repasse é deflacionado, levando-se em conta a inflação do período, comparado ao mesmo período do ano anterior, o crescimento é de 15,24%.

Tribuna do Norte / BG

Doria critica ideia petista de revogar reforma trabalhista: ‘Emprego não voltará ressuscitando leis ultrapassadas’

João Doria será o candidato do PSDB na corrida presidencial das eleições de 2022 / Bruno Escolástico/Estadão Conteúdo

O pré-candidato do PSDB à presidência da República, João Doria, criticou a ideia do Partido dos Trabalhadores (PT) de revogar a reforma trabalhista. A crítica foi feita através de um comunicado divulgado nesta sexta-feira, 7, no qual o governador de São Paulo bate em seu possível rival no pleito de 2022, Luiz Inácio Lula da Silva, e relembra a recessão econômica do governo de Dilma Rousseff. “O PT entrou em 2022 olhando o retrovisor. O PT de Lula quer revogar todas as reformas que ajudaram o Brasil a sair da recessão da Dilma. O emprego não voltará ressuscitando leis ultrapassadas, mas sim com crescimento econômico. E para ter crescimento precisamos de investimento. E, para termos investidores, precisamos ter confiança e segurança jurídica”, diz o posicionamento de Doria.

O tucano também diz que o “pacotão do atraso” vai piorar a situação do Brasil e afirma ter pedido um estudo para sua equipe econômica sobre o tema. “Ao ver o PT atuando para criar o ‘pacotão do atraso’, que vai aumentar o nosso atoleiro, pedi um estudo para o time de economista que nos ajudam. Ele será divulgado nos próximos dias, com a transparência que o debate econômico exige”, diz o governador. “O Brasil tem jeito, mas esse jeito não é o do PT”, conclui o comunicado de Doria.

Jovem Pan

Moro minimiza vaias em viagem ao Nordeste

Ex-juiz e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro / BRUNO ROCHA/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDO

O pré-candidato à presidência da República Sergio Moro (Podemos) seguem a agenda pelo Nordeste. Nesta sexta-feira, 7, ele esteve em Pernambuco, um dia após ter sido hostilizado no Aeroporto Internacional Castro Pinto, em João Pessoa, na Paraíba. Ao desembarcar, ele ouviu gritos e xingamentos. Houve princípio de tumulto logo controlado pelas equipes de segurança. Em uma entrevista a uma rádio de Pernambuco, Moro minimizou os xingamentos e disse: “Uma ou duas pessoas foram pagas para isso”. Sergio Moro também salientou, que por onde passou, só recebeu afeto e carinho.

Quem acompanha Moro na viagem é a presidente nacional do partido Podemos, a deputada federal Renata Abreu, e também o deputado federal Julian Lemos (PSL-PB), ex-aliado de Bolsonaro. Em uma rede social, o ex-juiz da Lava Jato disse que, na última sexta-feira, há três propostas na mesa da pré-campanha presidencial: uma representada pelo grupo dele, que fará as reformas necessárias ao país; outra do governo Bolsonaro, que segundo Moro desistiu completamente de implementar reformas; e a terceira de Lula, do PT, que quer revogar as reformas já consolidadas.

Jovem Pan