Archive for novembro 23rd, 2020

Cristiane Dantas solicita mais policiamento para o “Programa Maria da Penha”

A deputada estadual Cristiane Dantas (SDD) apresentou requerimento na Assembleia Legislativa solicitando à Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social do Estado que sejam direcionados policiais convocados, depois de encerrado o curso de formação, para aumentar efetivo da “Patrulha Maria da Penha”.

“A solicitação se faz necessária, pois a “Patrulha Maria da Penha” da Policia Militar do RN necessita de um quadro de policiais condizente com o  número  de  habitantes  para  proporcionar  uma  segurança mais  efetiva. Hoje o município conta com um número insuficiente de profissionais da segurança para conter as diversas ações de violência contra a mulher, que estão aumentando a cada dia”, justificou a deputada.

Instituída pela Lei Estadual n° 10.097/2016, a Patrulha Maria da Penha tem como objetivo prevenir e combater a violência doméstica contra a mulher no âmbito do Estado do Rio Grande do Norte e como missão a fiscalização e o policiamento ostensivo e preventivo direcionados ao acompanhamento das vítimas de violência doméstica.

Conforme a Portaria Normativa do Comando Geral da Polícia Militar, a Patrulha Maria da Penha tem a missão de orientar, prevenir, proteger e contribuir com as políticas públicas de enfrentamento à violência contra mulheres, com o emprego de efetivo policial militar que tem por missão a fiscalização e o policiamento ostensivo/preventivo, direcionados ao acompanhamento das vítimas de violência domésticas amparadas com Medidas Protetivas de Urgência deferidas pelas autoridades competentes.

Redutores de velocidade na Via Costeira
A deputada estadual Cristiane Dantas também apresentou requerimento na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte solicitando ao Departamento Estadual de Trânsito do RN (DETRAN), que sejam instalados redutores de velocidade na Avenida Senador Dinarte Mariz (Via Costeira), em Natal/RN.

De acordo com a parlamentar, a Via Costeira é conhecida por suas curvas acentuadas, sendo comum acidentes de trânsito, inclusive fatais, na localidade. “É um trecho de grande fluxo de veículos, que tem sido palco de várias tragédias. Para se ter uma ideia, de janeiro a agosto de 2020 já foram registrados mais de 30 acidentes”, informou.

“Por este motivo, solicitamos a instalação de redutores de velocidade, acreditando que essa medida será extremamente benéfica a população, salvando vidas”, justificou a deputada.

Ezequiel Ferreira pede melhorias de infraestrutura em comunidade quilombola

O deputado estadual, presidente da ALRN, Ezequiel Ferreira (PSDB), apresentou requerimentos na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte solicitando ao Governo do Estado a construção de uma escola estadual e uma quadra poliesportiva na Comunidade Quilombola Negros do Riacho, localizada na zona rural do município de Currais Novos.

Conforme o parlamentar, a comunidade Quilombola Negros do Riacho, que possui uma população de cerca de 300 cidadãos remanescentes do quilombo, não vive em boas condições. “A terra que lhes pertence é seca, inapropriada para o cultivo, a água salobra, além de não possuir posto de saúde, nem escola, configurando um cenário de extrema carência”, disse.

“Acredita-se no estudo como uma geração de emprego e renda e, portanto, faz-se de suma importância a construção de uma escola estadual na referida localidade a fim de beneficiar os residentes na comunidade Quilombola Negros do Riacho, bem como comunidades vizinhas”, complementou Ezequiel Ferreira.

Sobre a quadra poliesportiva, falou o parlamentar que os jovens que moram na comunidade sofrem com a falta de um espaço adequado para a prática desportiva. “É de conhecimento social das vantagens proporcionadas pela prática de esportes, que, além de oferecer benefícios à saúde física e mental daquele que pratica atividade física, ainda afasta das drogas e de outros vícios que trazem prejuízo às famílias e à sociedade em geral”.

Hermano sugere estudo técnico sobre tempo mínimo no estacionamento de aeroporto

O deputado estadual  Hermano Morais (PSB) apresentou requerimento na Assembleia Legislativa solicitando ao Governo do Estado do Rio Grande do Norte, através da Secretaria de Estado do Turismo (SETUR), e ao Ministério Público do Rio Grande do Norte, que requisitem um estudo técnico quanto ao tempo máximo de tolerância dos veículos no estacionamento do Aeroporto Internacional Aluízio Alves, localizado em São Gonçalo do Amarante.

De acordo com o deputado, o preço e o tempo de tolerância oferecidos no Aeroporto Internacional Aluízio Alves têm sido motivo constante de reclamações dos usuários, sejam passageiros ou motoristas de aplicativos.

Ele explica que a empresa que administra o estacionamento concede apenas 15 minutos de tolerância máxima e, após isso, inicia a cobrança, cujo valor inicial por 1h de uso é de R$ 15,00. Acontece que nem sempre é possível cumprir o tempo de tolerância, por causa da distância entre o ponto de pedágio e a área de embarque/desembarque.

“São aproximadamente 3,5 km de ida e volta e, com a velocidade recomendada (40 km/h) se gasta aproximadamente 14 minutos, sem desembarcar passageiros e com trânsito tranquilo. Motoristas de aplicativos que precisam, por exemplo, desembarcar pessoas com muita bagagem, idosos e/ou cadeirantes, não conseguem cumprir os 15 minutos e acabam amargando o prejuízo. Sem falar nos horários de grande fluxo”, justificou.

Chefe de grupo criminoso da Grande Fortaleza incluída em lista de recompensa é presa pela polícia

Almerinda Marla Barbosa de Sousa, 39 anos, conhecida como “Irmã Ruiva”, é capturada pela polícia suspeita de chefiar um grupo criminoso com atuação na Grande Fortaleza. — Foto: SSPDS/ Divulgação
Almerinda Marla Barbosa de Sousa, 39 anos, conhecida como “Irmã Ruiva”, é capturada pela polícia suspeita de chefiar um grupo criminoso com atuação na Grande Fortaleza. — Foto: SSPDS/ Divulgação

Uma mulher de 39 anos suspeita de chefiar um grupo criminoso com atuação na Grande Fortaleza foi presa pela polícia. Almerinda Marla Barbosa de Sousa, a “Irmã Ruiva”, constava na lista do Programa Estadual de Recompensa, um valor de R$ 5 mil era oferecido por informações que ajudassem na captura dela.

Na manhã desta segunda-feira (23), a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) divulga detalhes da prisão de Irmã Ruiva.

De acordo com a SSPDS , a mulher possui mandados de prisão por tráfico e por integrar organização criminosa.

G1CE

Baile funk na Cidade de Deus atravessa a madrugada e provoca aglomeração; veja flagrantes de mais festas no fim de semana

Baile na Cidade de Deus atravessa a madrugada e provoca aglomeração — Foto: Reprodução/TV Globo
Baile na Cidade de Deus atravessa a madrugada e provoca aglomeração — Foto: Reprodução/TV Globo

Imagens feitas pelo Globocop mostravam, às 6h10 desta segunda-feira (23), um baile funk acontecendo na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio, com grande concentração de pessoas. Por conta da festa, que teve início ainda na noite de domingo (22), várias ruas da comunidade estão fechadas nesta manhã.

Muitas pessoas estão aglomeradas e sem máscara. A quantidade de tendas, mesas e cadeiras instaladas na comunidade mostra que trata-se de um evento grande.

Tendas montadas para baile na Cidade de Deus — Foto: Reprodução/TV Globo

Tendas montadas para baile na Cidade de Deus — Foto: Reprodução/TV Globo

Fim de semana de aglomeração

fim de semana no Rio também foi de festas lotadas, desrespeitando os protocolos de isolamento social impostos pela Covid-19, como mostrou o Fantástico deste domingo (22).

Em uma casa de festas em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, uma multidão dançava e vibrava com um show, como mostram as imagens.

Na capital, na Marina da Glória, milhares de pessoas foram a outro evento de música. Nas imagens, não há ninguém de máscara. A promessa era de um evento com cuidados com a higiene pessoal e público reduzido, mas isso não ocorreu.

Do Blog: A polícia do Rio de Janeiro já está podendo fazer operações nas favelas do Rio? Num foi proibida pelo ministro do STF Edson Fachin?

G1RJ

Sustentabilidade hídrica pauta reunião de Ezequiel com prefeitos eleitos e reeleitos do Seridó Oriental

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), participou na cidade de Acari neste sábado (21), de uma reunião com os prefeitos eleitos e reeleitos que formam a Associação dos Municípios da Microrregião do Seridó Oriental-AMSO, tendo como ponto central as ações hídricas para a região Seridó.

O deputado Ezequiel Ferreira iniciou o encontro anunciando que o Ministério do Desenvolvimento Regional assinará no próximo dia 3 de dezembro a ordem de serviço para o início da recuperação da Barragem Passagem das Traíras, entre os municípios de São José do Seridó, Jardim do Seridó e Caicó. “Na mesma data, deve ser anunciada também a licitação da primeira etapa do Projeto Seridó, que vai integrar todas as bacias e garantir água a todas as cidades da região”, comemorou o deputado Ezequiel Ferreira. 

“Vamos recuperar essa obra, que é a Passagem das Traíras, uma solicitação realmente antiga e que tem tempo que já foi prometida pelo Governo Federal. Será assinada a ordem de serviço desta importante obra, ainda mais diante da expectativa de um inverno regular”, disse Ezequiel. “Depois vamos a Oiticica onde o ministro Rogério Marinho quer anunciar a primeira parte da licitação de outro projeto importante, talvez o mais importante para segurança hídrica da região, que é o Projeto Seridó, a interligação das bacias do Seridó”, completou.

Ainda de acordo com Ezequiel, a primeira parte do dinheiro para o Projeto Seridó, cerca de R$ 280 milhões, já estaria garantido. “Esse projeto vai acabar com carro pipa nos municípios seridoenses. É a garantia de recursos hídricos. Oiticica vai servir como pulmão de água para o Seridó, resolvendo problema de todas as cidades”, disse.

Participaram da reunião, Fernando Antônio Bezerra, o Fernandinho, prefeito eleito de Acari e que recebeu a comitiva de prefeitos e o atual presidente da AMSO, Isaías Cabral, o prefeito eleito de Parelhas, Dr. Tiago, o reeleito de Lagoa Nova, Luciano Santos, o prefeito eleito de Florânia, Saint Clay, o Galo, o prefeito eleito de Tenente Laurentino Cruz, Inácio Macêdo, o prefeito eleito de São José do Seridó, Jackson Dantas, o prefeito reeleito de Carnaúba dos Dantas, Gilson Dantas, o prefeito reeleito de Santana do Seridó, Hudson Pereira de Brito e o prefeito de Campo Redondo, Alessandru.

Para viabilizar o Projeto Seridó, Ezequiel Ferreira, explicou que o Governo do Estado assinou com o Ministério do Desenvolvimento Regional e com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) um Acordo de Cooperação Técnica para execução do Projeto. Orçado em R$ 280 milhões, prevê a implantação de sete adutoras, que totalizam 300 km de extensão, assegurando sustentabilidade hídrica nos próximos 50 anos para o abastecimento humano e para perenizar os perímetros irrigados e açudes da região.

Pelo documento assinado no final de outubro, o Governo do Estado cede o projeto elaborado pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) para que a Codevasf faça a licitação para contratar a empresa construtora que executará as obras. 

O Projeto Seridó é um conjunto de sistemas adutores com interligações entre grandes reservatórios para garantir o suprimento de água para consumo humano e atividades produtivas.

O presidente da Codevasf, Marcelo Moreira, tem dito que a previsão é que as obras iniciem em meados de 2021 e assegurou que iria licitar ainda este ano para trazer segurança hídrica e oportunidades para toda a região, além de promoter a execução do projeto o mais rápido possível.

O Projeto Seridó faz a complementação da transposição de águas do São Francisco. As águas serão armazenadas em Oiticica e Armando Ribeiro e as adutoras do Projeto Seridó farão a distribuição para os municípios. O Projeto Seridó faz o coroamento da transposição e beneficia toda a população do Seridó garantido abastecimento pelos próximos 50 anos.

Auxílio Emergencial: Caixa paga nova parcela a 4,9 milhões nesta segunda

Confira as datas para o pagamento da nova fase do Auxílio Emergencial de R$ 300,00
Confira as datas para o pagamento da nova fase do Auxílio Emergencial de R$ 300,00

Caixa Econômica Federal (CEF) paga nesta segunda-feira (23) mais uma parcela do Auxílio Emergencial a 4,9 milhões de trabalhadores.

Aos trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família, o pagamento já é referente à 3ª parcela de R$ 300 do benefício. Nesta segunda, recebem 1,6 milhão de trabalhadores cujo número do NIS encerra em 5.

Entre os demais trabalhadores, estão 3,1 milhões que vão receber uma parcela do Auxílio Emergencial extensão, de R$ 300. Outros 200 mil ainda vão receber alguma das parcelas de R$ 600. Os pagamentos desta segunda são para nascidos em fevereiro.

Confira as datas para o pagamento da nova fase do Auxílio Emergencial de R$ 300,00

Para os trabalhadores fora do Bolsa Família, a ajuda paga nesta segunda será creditada em conta poupança social digital da Caixa, que poderá ser usada inicialmente para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual. Saques e transferências para quem receber o crédito nesta segunda serão liberados no dia 19 de dezembro (veja nos calendários mais abaixo).

VEJA QUEM RECEBE NESTA SEGUNDA:

  • 1,6 milhão de trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família, cujo número do NIS encerra em 5, recebem a 3ª parcela de R$ 300
  • 200 mil trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em fevereiro, recebem a próxima parcela de R$ 600:
    – aprovados que já receberam 4 parcelas recebem a quinta parcela;
    – aprovados que já receberam 3 parcelas recebem a quarta parcela;
    – aprovados que já receberam 2 parcelas recebem a terceira parcela;
    – aprovados que já receberam 1 parcela recebem a segunda parcela.
  • 3,1 milhões de trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em fevereiro, recebem a próxima parcela de R$ 300:
    – trabalhadores que já receberam as 5 parcelas de R$ 600 recebem a primeira de R$ 300
    – trabalhadores que já receberam 1 parcela de R$ 300 recebem a segunda parcela de R$ 300
    – trabalhadores que já receberam 2 parcelas de R$ 300 recebem a terceira parcela de R$ 300

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

G1RN