Archive for maio 7th, 2020

Pré-candidato a prefeito de Tenente Laurentino, Inácio Macedo, reforça PL que conta com seis vereadores

Organizando sua base na cidade de Tenente Laurentino Cruz, o prefeitável Inácio Macedo (PL) ampliou a bancada do Partido Liberal no legislativo municipal. Agora são seis vereadores que integram a sigla: Cleudimar, Janga, Rosenilda, Del, Assis Salú e Ricardo Moraes. Inácio foi candidato a prefeito nas últimas eleições e perdeu por apenas dez votos.

A cada dia sua pré-candidatura vem ganhando força no município serrano. Novos filiados oficializaram filiação ao partido, que se torna o mais forte da cidade. Nas últimas eleições Inácio, apoiou o deputado estadual Vivaldo Costa e o federal João Maia, que foram os mais votados de Tenente Laurentino Cruz. 

Secretário de saúde dá entrevista com interprete de línguas de sinais sem máscara

Além de está a uma distância a menos de um metro da jovem intérprete, o secretário da saúde do RN, Cipriano Maia, deu entrevista hoje, 07, em um dos jornais de TV sem que a moça usasse a máscara.

Nada contra pessoas que convivem não usarem a máscara. Não somos nós que fazemos as exigências. Mas no caso do secretário que prognostica o pior de morte para o Estado, estaria certo nessa atitude?

Coronavírus: parlamentares apresentam sugestões ao Governo do Estado

Na sessão plenária por videoconferência desta quinta-feira (7), os deputados mais uma vez alertaram para a gravidade da pandemia e fizeram algumas sugestões e cobranças ao governo estadual. O deputado Gustavo Carvalho (PSDB) criticou o fato do Detran estar cobrando juros nas parcelas de IPVA atrasadas e sugeriu a prorrogação da data para pagamento ou a retirada dos juros.
 
“A cobrança é de juros abusivos. O governo, além de não ter sensibilidade para as dificuldades que estão sendo enfrentadas por todos, cobra um juro exorbitante sobre a tarifa”, criticou o parlamentar, que citou o caso de uma parcela no valor de R$ 744 reais, paga com 21 dias de atraso e juros de quase R$ 70 reais.
 
Outra crítica do deputado foi quanto ao não pagamento, até o momento, do piso do magistério aos trabalhadores da Educação. O deputado disse que está havendo uma inversão de valores, quando o Sindicado dos Trabalhadores em Educação (Sinte) envia ofício para o Gabinete Civil para que as negociações acerca do piso sejam paralisadas, conforme o secretário de Planejamento, Aldemir Freire informou aos parlamentares.
 
Gustavo Carvalho sugeriu ainda que o governo estadual auxilie financeiramente os municípios, a exemplo do que o Governo Federal vem fazendo com os Estados. “O secretário afirmou que a compensação está sendo fundamental para os estados, então por que não faz o mesmo com os municípios, em relação ao Fundo de Participação dos Munícipios (FPM) como pedimos”, defendeu.
 
O deputado Vivaldo Costa (PSD) chamou a atenção para o aumento de casos da Covid-19 no RN e no País, com o Brasil estando em 6º lugar entre os que têm mais casos de Coronavírus. Vivaldo, no entanto, disse que muitos gestores estão se desentendendo politicamente, quando o momento é grave e requer união.
 
“A gente liga a TV e vê o governador de São Paulo, João Dória, ou o do Rio de Janeiro, Wilson Witzel brigando com o presidente Jair Bolsonaro e não é hora de briga”, ponderou o deputado. Vivaldo Costa afirmou que a governadora Fátima Bezerra vem recebendo críticas, mas está fazendo o melhor. “Fátima tem uma equipe séria e competente, com cientistas, pessoas estudiosas e da UFRN, então cada medida que vai tomar, como o isolamento social, tem base científica”, afirmou o deputado.
 
Líder do governo na Casa, o deputado George Soares (PL) apresentou sugestão para que o Executivo, ao acatar sugestões dos parlamentares em forma de projetos de lei, passe a dar crédito ao autor da ideia.

Coronel Azevedo ressalta liberação de recursos do Governo Federal para assistência social

Em sessão ordinária da Assembleia Legislativa realizada na manhã desta quinta-feira (7), por meio de Sistema de Deliberação Remota, o deputado Coronel Azevedo (PSC) destacou a liberação de recursos pelo Governo Federal para assistência social e combate à Covid-19. O parlamentar também criticou o Governo do Estado por deixar de implantar as promoções dos policiais militares.
 
“Estão sendo liberados pelo Governo Federal mais R$ 2,5 bilhões para atendimento à população em programas sociais e reforço no combate ao Coronavírus. Por uma questão de respeito e justiça, é necessário que se divulgue a origem desses recursos demonstrando a verdadeira fonte dessas verbas que é o Governo Federal. Alerto os prefeitos para entrar no site do Ministério da Cidadania e preencher o termo de compromisso para se habilitar a receber alimentos e equipamentos, principalmente, destinados a idosos, moradores de rua e demais pessoas em situação de vulnerabilidade social,“ explicou o deputado.
 
Coronel Azevedo também usou o pronunciamento para defender a implantação das promoções dos policiais militares. “A falta de implantação das promoções dos policiais militares é um assunto grave. O Governo do Estado, em dezembro do ano passado, promoveu uma parcela, mas até hoje tem uma fila de policiais aguardando a implantação dos vencimentos. Informo e convido a todos para se empenhar nessa causa, uma vez que, a Polícia Militar também está prestando um grande serviço nesse momento. São mais de 30 policiais mortos e milhares afastados em todo Brasil em função da pandemia”, defendeu Azevedo.
 

Covid-19: o mundo pode já ter mais de 1,3 bi de pessoas que tiveram a contaminação, mas estão bem

PF não tem inquérito para apurar mortes pela covid-19
Foto da Internet

Segundo o Dr. Anthony Wong, doutor em infectologia, professor da USP, ele afirma que para cada uma pessoa que se apresenta infectada no sistema de saúde ou é detectado por testes, 350 já tiveram contatos com o vírus e não sentiram absolutamente nada. Ele declara que viu essa pesquisa que foi feita na faculdade de Harvard, que é coisa antiga, umas das maiores faculdades do mundo.

Pelos números apresentados pela OMS que é de 3.795.881 pessoas infectadas até a data de hoje, 07, podemos estar com mais de 1,3 bilhões de pessoas que já foram contaminadas, e que já não oferecem riscos. Pelo contrário, essas pessoas irão fazer parte da cura, pois o efeito rebanho se dá quando cerca de 60% da população de uma comunidade tenha já adquirido anticorpos. E só há duas formas de obter anticorpos: pela vacina ou pela exposição dos que não sofrem maiores riscos.

Caixa Federal amplia abertura de agências para este sábado, dia 09

Confira o novo calendário do auxílio emergencial de R$ 600 reais ...
Foto da Internet

No próximo sábado, 09 de maio, serão abertas 1.400 agências para saque do auxílio emergencial, o que corresponde a um acréscimo de 498 novas agências funcionando, se comparado ao último sábado, 02 de maio, quando 902 atenderam a população.

Segundo informações da Dataprev, órgão público que tem a responsabilidade de analisar os cadastros do auxílio emergencial de R$600, dos 96,9 milhões de CPFs enviados à Caixa Econômica Federal para recebimento do benefício, 50,52 milhões atenderam aos critérios da lei e foram liberados para receber o benefício, o que equivale a cerca de 52,1% do total.

SESAP/RN: Edital diz que hoje é o último dia para contratação de até 100 leitos de emergência do Covid que custará mais de R$ 48 milhões

Levantamento mostra redução de leitos para pacientes SUS em ...
Ilustração/ Foto da Internet

A Sesap prorrogou o prazo do edital para até às 23h59min do dia de hoje, 07, para o chamamento público emergencial em que contratará empresa privada para gestão de até 100 leitos no valor global estimado de R$ 48.841.164,00.

Serão 80 UTIs e 20 leitos de retaguarda para pacientes em situação grave com suspeita ou confirmação do Covid-19. Apenas uma empresa cadastrou-se até o momento.

O contrato terá validade de até 6 meses, podendo ser prorrogado enquanto durarem os efeitos da emergência em saúde. Em razão da urgência imposta pela evolução da pandemia, mais de uma instituição poderá ser contratada.

Segundo a Sesap o valor de custeio do Contrato de Gestão a ser firmado por cada mês é estimado em R$ 8.140.194,00.

Sesap

Justiça nega pedidos do Seturn para isenção de ISS, subsídio e restrição da gratuidade no transporte de Natal

Justiça rejeitou o pedidos do Seturn para isenção de ISS, subsídio e restrição da gratuidade no transporte de Natal — Foto: Pedro Vitorino
Justiça rejeitou o pedidos do Seturn para isenção de ISS, subsídio e restrição da gratuidade no transporte de Natal — Foto: Pedro Vitorino

A Justiça negou os pedidos do sindicato das empresas de ônibus de Natal para a isenção do ISS, restrição da gratuidade do idoso no transporte e da meia-passagem estudantil, e ainda a implantação de um subsídio a ser pago pela prefeitura. A decisão do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte foi proferida em caráter liminar.

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município de Natal (Seturn) alegou que o último reajuste no valor da passagem, que aumentou a tarifa para R$ 4,25, foi insuficiente, e que as prestadoras de serviço estão tendo prejuízo. Além disso, o Seturn usou como argumento também o isolamento social por causa da Covid-19, que reduziu a quantidade de usuários do sistema de transporte.

A Justiça, no entanto, entendeu que não cabe ao Poder Judiciário intervir no tema, que é do âmbito do Poder Executivo. Na decisão, o juízo da 6ª Vara da capital afirmou também que o argumento de necessidade de equilíbrio financeiro-econômico não é válido. Isso porque não há licitação para a operação das empresas, portanto não há um contrato que garanta isso a essas prestadoras.

“Tem mera permissão, de forma precária, não possuindo garantia da manutenção do equilíbrio econômico-financeiro do contrato de permissão”, disse a decisão.

G1RN