Archive for novembro 18th, 2019

RN começa etapa de vacinação contra sarampo para adultos de 20 a 29 anos

Campanha de vacinação contra sarampo começa nesta segunda-feira (18). — Foto: Reprodução

O Rio Grande do Norte começa nesta segunda-feira (18) uma nova etapa da campanha de vacinação contra o sarampo, desta vez para o público adulto na faixa etária de 20 a 29 anos de idade, que ainda não atualizou a caderneta de vacinação. O “Dia D” dessa etapa está marcado para 30 de novembro.

O estado recebeu 99 mil doses do Ministério da Saúde e distribuiu um total de 140 mil entre as unidades básicas de saúde do estado. A população pode procurar o posto de saúde mais próximo para se imunizar.

A primeira fase começou em 25 de outubro, voltada as crianças com idade entre seis meses e quatro anos, 11 meses e 29 dias. Agora a nova fase é para os adultos.

De acordo com Alessandra Lucchesi, subcoordenadora de vigilância epidemiológica da Secretaria Estadual de Saúde da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), os adultos jovens são os que acabam circulando com maior frequência, portanto apresentam mais mais riscos.

Além disso, nacionalmente, esse grupo é o que tem maior incidência notificação de caso de sarampo. Aqui no estado, de acordo com Alessandra, o maior número de notificações é para crianças com menos de cinco anos, mas nos casos confirmados o estado segue a tendência nacional e os jovens adultos são os mais afetados.

“Nós enfrentamos dificuldade na base de dados para estimar quantos precisam tomar a vacina. Nós temos uma população estimada em 600 mil pessoas, mas não sabemos quantas precisam de atualização. Com base na estimativa do Ministério da Saúde, foram enviadas 99 mil doses e, visando nosso estoque atual, distribuímos 140 mil doses”, afirmou.

Apesar de a campanha visar os jovens adultos, a subcoordenadora lembrou que a vacina faz parte do calendário nacional de vacinação e está disponível nos postos para todas as pessoas que precisem.

Na semana passada, a Secretaria Estadual de Saúde Pública confirmou mais dois casos de sarampo no Rio Grande do Norte, passando para seis o total já registrado no Estado. De acordo com o novo Boletim Epidemiológico sobre a doença, o número de casos notificados é 85, dos quais 52 foram descartados e 27 permanecem em investigação.

A doença

Sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus. Sua transmissão ocorre quando o doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas. Qualquer indivíduo que apresentar febre e manchas no corpo (exantemas) acompanhado de tosse, coriza ou conjuntivite deve procurar os serviços de saúde para a investigação, principalmente aqueles que estiveram nos 30 dias anteriores em viagem a locais com circulação do vírus. Casos suspeitos devem ser informados imediatamente às Secretarias Municipais de Saúde.

A mais efetiva forma de prevenção é a vacinação. Para ser considerada vacinada, a pessoa precisa ter o registro em caderneta de vacinação conforme esquema vacinal.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/

Carência de políticas para cuidados com animais é destacada em audiência pública

A carência de políticas públicas voltadas para os cuidados com os animais no Rio Grande do Norte ficou evidenciada ao final das exposições e debates na audiência pública promovida pela Assembleia Legislativa, na manhã desta segunda feira (18), no auditório do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN), em Mossoró. Proposta pelo deputado Allyson Bezerra (SDD), a discussão foi em torno do tema “Saúde Pública – Direcionada ao Controle de Zoonoses e a Omissão do Poder Público com os Cães e Gatos”.

“A Assembleia Legislativa está cumprindo o seu papel, iniciando esse debate que é de interesse da saúde pública de Mossoró e do Estado. Aqui na cidade existem grupos de voluntários que se dedicam a esse tema. Vamos envolver a sociedade para esse assunto mereça uma atenção maior, tanto no município, como no Estado”, registrou o deputado Allyson Bezerra.

Durante a exposição dos participantes da Mesa, foi destacado elevado número de calazar nos animais de rua. De 10 animais recolhidos, oito estão com a doença. Uma solução apresentada para diminuir o número de animais soltos nas ruas seria a castração.

Allyson Bezerra lembrou que há uma legislação que protege os animais em nível internacional, federal e municipal, faltando o efetivo cumprimento da legislação. 

Abandonar animais é crime
A principal Lei que protege os animais é a Lei Federal 9.605/98, conhecida como Lei dos Crimes Ambientais. De acordo com o artigo 32, praticar ato de abuso, maus tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos gera prisão e multa para o praticante.

Já a Constituição Federal diz que cabe ao Poder Público promover a educação ambiental em todos os níveis de ensino e conscientização para a preservação do meio ambiente; proteger a fauna e a flora, vedadas na forma de lei as práticas que coloquem em risco sua função ecológica, provoquem a extinção de espécies e submetam os animais à crueldade.

Presidida pelo deputado Allyson, a mesa dos trabalhos contou com a participação da representante do Movimento Mossoroense de Proteção Animal, Jéssica Bessa; diretora do Abrigo Mossoroense de Animais, Graça Lima; da doutora em Políticas Públicas para Animais, Daniele Bispo; da representante do Adote Mossoró, Clara Coelho; dos professores da Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA) Josivan Barbosa e Nilza Dutra Alves.

Entre os encaminhamentos para amenizar o problema da carência de políticas públicas em defesa dos animais estão convênios entre a Ufersa e a prefeitura de Mossoró, além da Secretaria de Saúde do Estado que possibilitem melhores cuidados com os animais; reativação do Centro de Zoonoses de Mossoró; carro fumacê e castração de animais.

O deputado disse que vai encaminhar ofício ao Reitor da Ufersa, José de Arimatea de Matos, pedindo esclarecimentos sobre o envenenamento do cão “Amarelão”, que há mais de oito anos vivia naquela universidade e que morreu por envenenamento. O caso foi bastante comentado durante a audiência pública, principalmente pela professora Nilza Dutra.

Assessoria

Receita Federal paga restituições do 6º lote do IR 2019 nesta segunda-feira

A Secretaria da Receita Federal paga nesta segunda-feira (18) as restituições do sexto lote do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) de 2019, e de lotes residuais de anos anteriores.

Segundo o Fisco, serão pagos R$ 2,1 bilhões a 1.365.366 contribuintes. Desse valor, R$ 1,79 bilhões são referentes ao IR 2019 — ano-base 2018.

As consultas podem ser feitas pelo site da Receita Federal na internet. Também é possível consultar pelo aplicativo para tablets e smartphones ou pelo Receitafone 146.

Neste ano, a Receita Federal recebeu 30.677.080 declarações até 30 de abril, prazo final para a entrega do documento sem multa. O órgão esperava receber 30,5 milhões de declarações.

Malha fina

Segundo o Fisco, é possível checar se a declaração foi processada. E se ela estiver já na fila de pagamentos, as informações prestadas estão coerentes com o banco de dados da Receita. Isso indica que a declaração, a princípio, não tem pendências (a Receita Federal tem até cinco anos para pedir esclarecimentos sobre as declarações).

A verificação pode ser feita pelo serviço Meu Imposto de Renda da Receita Federal. Para isso, é preciso gerar um código de acesso, a partir do número do CPF, data de nascimento e recibos de entrega das duas últimas declarações.

Fonte: https://g1.globo.com/economia/imposto-de-renda

Reinaldo, o príncipe do pagode, morre aos 65 anos

“Reinaldo, o Príncipe do Pagode” faz show no Sesc Campinas — Foto: Divulgação

O cantor Reinaldo, conhecido como “o príncipe do pagode”, morreu durante a madrugada desta segunda-feira (18). A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do artista.

Reinaldo, que lutava contra um câncer no pulmão havia cerca de quatro anos, chegou a ser levado ao hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Fonte: https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia

Lancha vira e cinco pessoas ficam feridas na Praia da Pipa, no RN

Lancha vira e cinco pessoas ficam feridas na praia da Pipa, no RN — Foto: Inter TV Cabugi/Reprodução

Uma lancha cheia de banhistas, entre eles turistas, virou na praia da Pipa, em Tibau do Sul, litoral potiguar, neste sábado (16). O Corpo de Bombeiro e a Marinha foram acionados para socorrer as vítimas. Cinco pessoas tiveram ferimentos leves, segundo o Corpo de Bombeiros.

De acordo com a corporação, o motor da embarcação parou e, por isso, a lancha pendeu para o lado, ficando paralela às ondas.

Quando uma onda mais forte atingiu a lancha, ela virou. As vítimas foram tiradas da água em poucos minutos.

Pipa é uma das praias mais conhecidas do litoral potiguar e recebe turistas de várias partes do mundo.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/2