Archive for agosto 24th, 2017

Cristiane Dantas ressalta importância de laboratório forense para o ITEP do RN

A deputada Cristiane Dantas (PCdoB) enalteceu nesta quinta-feira (24), durante sessão plenária na Assembleia Legislativa, a assinatura da ordem de serviço por parte do Governo do Estado para a implantação do primeiro laboratório forense do Instituto Técnico-Científico de Polícia do RN (ITEP). De acordo com a parlamentar, a iniciativa vai agregar importantes avanços aos serviços prestados pelo órgão.

“Faço aqui um reconhecimento público a atenção que o Governo do RN tem tido com o ITEP. A construção desse laboratório se traduz em celeridade para os exames de DNA, reduzindo custos e tempo de espera”, disse Cristiane.

A deputada explica que atualmente os exames de DNA são enviados para outros estados, fato que, além dos altos custos demandados ao Executivo Estadual, implicam em morosidade à análise dos exames. Segundo ela, o laboratório vai permitir ampliar o número de análises e reduzir o tempo de espera, passando de seis meses para 20 dias.

Ainda de acordo com Cristiane Dantas, a previsão é que a unidade esteja pronta em dezembro deste ano e representa um investimento de R$ 287 mil, com recursos próprios do ITEP. Além do laboratório, a deputada destacou ainda a aquisição de um comparador genético, ao custo de R$ 700 mil. “Trata-se um investimento pioneiro na história do ITEP”, argumenta ela.

Durante o pronunciamento, a parlamentar lembrou também outros avanços conquistados pelo órgão na atual gestão estadual, como a implantação do estatuto dos servidores, a informatização da gestão de perícias, a identificação biométrica dos detentos de Alcaçuz e a implantação da sede do ITEP em Pau dos Ferros.

Em aparte, o deputado Carlos Augusto (PSD) reforçou a relevância da implantação do laboratório no Estado. “É uma grande conquista, imprescindível para que o órgão possa melhorar os serviços ofertados a população, que ajudarão na autoria e materialidade de diversos crimes”, comentou. Para Hermano Morais (PMDB), a unidade “vai favorecer a Segurança Pública e o Poder Judiciário do RN na produção de provas, beneficiando a sociedade como um todo”, disse ele sugerindo ainda outros investimentos como a construção de uma nova sede para o ITEP e a ampliação do quadro de servidores do órgão.

Sala Lilás

A criação da Sala Lilás para exames de vestígios de violência contra a mulher, no âmbito do ITEP, também foi comemorado por Cristiane Dantas, que destacou ainda o retorno ao bairro da Ribeira da Coordenadoria de Identificação do órgão.

Assessoria

Sem polícia em hospital, preso cirurgiado abre algema e foge em Natal

Homem foi algemado em maca no Hospital Santa Catarina, mas conseguiu fugir (Foto: Cedida G1)

Mesmo algemado e com uma bolsa para recolhimento de fezes acoplada ao abdômem, um homem preso pela Polícia Civil conseguiu fugir do Hospital Santa Catarina, localizado na Zona Norte de Natal. O caso aconteceu nesta terça-feira (22). Segundo a direção do hospital, nenhum policial fazia guarda do preso na hora da fuga.

Josivan de Araújo Rocha, de 22 anos, deu entrada na unidade na última sexta-feira (18), baleado no abdómem. De acordo com a Delegacia de São Gonçalo do Amarante, ele sofreu um tiro em confronto com inimigos e foi socorrido para a unidade, onde passou por procedimentos de urgência, e foi transferido para o Hospital Walfredo Gurgel, na Zona Leste da capital. Apesar da transferência, ele voltou à unidade em seguida.

O homem passou por uma laparotomia – uma cirurgia para abrir o abdómem. Na terça-feira (22), ele estava internado na clínica cirúrgica, para onde são encaminhados os pacientes que estão se recuperando de operações. Ele estava com uma bolsa de colostomia acoplada à barriga. Esse material é usado para recolher as fezes, no caso de pacientes que estão passando por recuperação do intestino.

Ao saber que Josivan estava no hospital, a equipe da Delegacia de São Gonçalo do Amarante foi até lá e deu voz de prisão, em cumprimento a um mandado de prisão preventiva por homicídio. O homem foi algemado na maca, mas os policiais foram embora em seguida.

De acordo com a diretora do Hospital Santa Catarina, Maria José de Pontes, a fuga aconteceu no mesmo dia, por volta das 19h, durante a troca de plantões. Ao perceberam que o homem havia escapado, os funcionários encontraram a algema em um saco de lixo ao lado da maca e acionaram a polícia.

“Não tinha ninguém vigiando. Agora as policiais alegam que não têm efetivo e por isso algemam esses pacientes (presos) e vão embora”, relatou a diretora. “Bastou ele se recuperar um pouco e fugiu”, disse. Para ela, a situação coloca em risco profissionais e pacientes.

Do G1RN

Vivaldo Costa requer solução para falta de água em Caicó

O deputado Vivaldo Costa (PROS) solicitou ao Governo do Estado, durante sessão na Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (24), ações para resolver o problema da falta de água em Caicó. Parlamentar destaca que a região era abastecida por alguns açudes que estão com os reservatórios vazios.

“Peço que a Caern resolva esse problema na região. Recentemente foi inaugurada uma adutora que traz água da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, mas a captação está no lugar errado”, disse Vivaldo.

De acordo com o deputado, o projeto deve retirar a água da região do Mazagão, no município de São Rafael. Vivaldo Costa solicitou ainda que o Governo viabilize carros-pipa para a região a fim de amenizar o problema de abastecimento e defende que futuramente deve ser construída uma nova adutora.

Na ocasião, o parlamentar também fez um apelo à Secretaria Estadual de Saúde para priorizar a instalação do tomógrafo que vai atender à região de Caicó. “O equipamento está disponível há aproximadamente 5 meses, faltando apenas a adaptação da rede elétrica”.

Ainda durante o pronunciamento, Vivaldo Costa falou da visita do ex-presidente Lula (PT) à região Seridó e registrou sua admiração pelo petista. “O Seridó está feliz em receber o ex-presidente e vale ressaltar que ele já foi o presidente que o Brasil precisava, mas agora é necessária uma renovação”, finalizou o deputado.

Assessoria

Em Natal, homem invade missa, derruba imagem de padroeiro e apanha de fiéis

Caso aconteceu durante missa de 7º dia na noite de quarta-feira (23) (Foto: Cedida)

Um homem invadiu uma missa de 7º dia realizada na Paróquia de São João Batista, na Zona Leste Natal, derrubou uma imagem do padroeiro da igreja e foi agredido pelos fiéis antes da chegada da polícia. O caso aconteceu por volta das 19h30 desta quarta-feira (24). A paróquia estima prejuízo de R$ 10 mil.

Segundo o padre Marcelo Cezarino, que celebrava o ato religioso, o homem entrou no templo pela porta lateral na hora em que se fazia o ofertório. Ele andou tranquilamente e em silêncio até um nicho – um altar de 1,7 metros onde a imagem estava – e o empurrou com força.

“A violência foi tão grande que o nicho, que é colado no chão, caiu e quebrou todo. Não tem como ser restaurado”, afirmou o pároco. A imagem poderá ser recuperada.

Logo após derrubar o nicho com imagem, o homem saiu andando tranquilamente e deixou a igreja pela mesma porta por onde entrou. “Eu deixei o altar e fui seguindo ele, mas as pessoas mandaram eu me afastar dizendo que ele estava armado”, conta o padre.

Ezequiel requer benefícios para as regiões Seridó, Mato Grande e Litoral Norte

Iniciativa parlamentar do deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa, protocolada na Mesa Diretora da Casa, na forma de propositura, vai beneficiar municípios de três regiões do Estado – Seridó, Mato Grande e Litoral Norte – quando as solicitações forem atendidas pelo governo do Estado.

Os benefícios são nas áreas da agricultura familiar, pavimentação e drenagem de ruas, asfaltamento de rodovia e saúde. As solicitações foram feitas com base em reivindicações dos moradores de Serra Negra do Norte, Poço Branco, Rio do Fogo e Galinhos.

“O projeto Dia de Campo consta de aulas expositivas e demonstrativas sobre temas que envolvem a cadeia produtiva voltada para agricultores familiares. A capacitação é destinada, também, aos pequenos produtores. O objetivo é transmitir aos agricultores familiares tecnologias de ponta adotadas para a cultura especializada”, justifica Ezequiel Ferreira que solicitou o mesmo benefício para Serra Negra do Norte e Poço Branco.

Outros benefícios para Serra Negra do Norte foram a realização de convênio entre o município e o governo do Estado para pavimentação e drenagem, levando em consideração que a falta de pavimentação e drenagem em áreas urbanas resulta em problemas para os moradores; uma ambulância para o atendimento dos habitantes, e o recapeamento asfáltico no trecho rodoviário da BR-427 que liga à Caicó.

A drenagem dos rios Punaú e Piranhas foram as solicitações encaminhadas pelo deputado Ezequiel Ferreira em atendimento à população de Rio do Fogo, bem como a conclusão do saneamento básico na cidade.

Para Galinhos e o distrito de Galos as reivindicações foram no sentido de que seja feito estudo de viabilidade técnica para extensão da rede de distribuição de água e o aumento do efetivo policial e melhores condições de trabalho para a Polícia Militar.
Assessoria

Palestra do jornalista Jorge Duarte marca abertura da pós em Comunicação da Escola da Assembleia

A pós-graduação em Comunicação Pública, da Escola da Assembleia, tem início no próximo sábado (26) e será marcada pela palestra do professor Jorge Duarte. Jornalista, relações-públicas, mestre e doutor em comunicação, Duarte acumula experiência de 25 anos em assessoria de imprensa e comunicação organizacional. Na oportunidade, acontecem duas palestras: a primeira, às 8h, vai abordar a “Estratégia em Comunicação” e, à tarde, o assunto é “Agir estratégico em Assessoria de Imprensa”.

Serão debatidos tópicos como as transformações nas assessorias e nas redações, a nova relação sociedade/notícia, as especificidades da assessoria de imprensa na área pública, qualificando o relacionamento com jornalistas, melhorando e diversificando a produção de conteúdo, jornalista, assessor de imprensa e as mídias sociais, produção de mapa de mensagens serão tratados durante as 8h de aula.

O curso tem como objetivo fazer compreender o novo papel estratégico da imprensa para informação ao cidadão e divulgação da atividade pública, o bom relacionamento com a imprensa, além de qualificar a relação com jornalistas, dirigentes em busca da melhor informação à sociedade.

O evento também é aberto ao público. Mas, para os alunos da pós em Comunicação Pública ele é obrigatório, pois as duas palestras vão contar 08 horas para a disciplina Seminários – Tópicos Especiais.

As inscrições podem ser feitas, das 8h às 17h, na sede da Escola, localizada à Rua Açu, 426, Tirol. Mais informações: 3232-1001.

Jorge Duarte

Jorge Duarte é jornalista, relações-públicas, Mestre e Doutor em Comunicação. Tem 22 anos de atuação em comunicação do serviço público, inclusive em funções de coordenação e direção. Professor de pós-graduação em diversas universidades. Autor e organizador de mais de 15 livros.

É Funcionário concursado da Embrapa desde 1990 onde atua como Coordenador de Comunicação em Ciência & Tecnologia. Durante 09 anos (2003-2012) atuou na Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, onde foi assessor especial e diretor de Comunicação Pública.

Foi diretor da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares de Comunicação (Intercom) e vice-presidente da Associação Brasileira de Jornalismo Científico e coordenador de Jornalismo da Embrapa. É organizador dos livros “Assessoria de Imprensa e Relacionamento com a Mídia”, “Métodos e Técnicas de Pesquisa em Comunicação”, “Glossário de Comunicação Pública”, “Ciência para comunicação, comunicação para ciência”. É autor de “A Viagem das Sementes”, “Comunicação e Tecnologia na Cadeia Produtiva da Soja em MT” e “Pesquisa & Imprensa: orientações para um bom relacionamento”, entre outros.

É professor de pós-graduação em universidades e autor de livros, manuais e textos sobre relacionamento com a imprensa, media training e comunicação. Já ministrou cursos e palestras em diversas instituições do Judiciário, Legislativo e Executivo dos níveis municipais, estadual e federal, além de empresas privadas e instituições de ensino.

 

Assessoria

 

Flamengo 1-0 Botafogo: seguir em frente, ainda que doa

André Fabiano/Código19/Gazeta Press
Matheus Fernandes sofreu dura entrada; juiz sequer marcou falta

Não foi dessa vez que cumprimos a missão de vingar 1999 na Copa do Brasil. O que parecia ser a caminhada dos sonhos rumo à glória nacional acabou se tornando um pesadelo de mais uma eliminação para o maior rival.

A verdade é que faltou futebol – dos dois lados, diga-se de passagem. Nos dois jogos, as duas equipes deixaram a desejar. Mas o Botafogo recuou demais, atacou de menos e viu o Flamengo ensaiar uma pressão; o suficiente para, em lance de plástica e sorte de Berrío, encontrar o único gol do confronto semifinal. A partir dali, o Alvinegro se perdeu de vez e não houve forças nem para tentar um improvável empate.

Apesar de não termos o elenco mais badalado e os cofres mais cheios, tínhamos mais brio e melhor desempenho. As classificações épicas e as vitórias gigantes nos deixaram mal acostumados e despreparados para o choque entre expectativa e realidade. Se ninguém no Brasil merecia mais um título do que nós, também é correto afirmar que, ao menos no papel, somos azarões e chegamos mais longe do que poderíamos imaginar lá em janeiro.

Dói, é claro que dói. Dói porque sentimos que merecíamos mais, que podíamos mais; dói porque esse grupo não merece voltar de cabeça baixa para o vestiário, porque essa torcida não merece as lágrimas de uma eliminação tão cruel. Dói porque esse time do Botafogo foi forjado para glórias, não para fracassos.

E é por isso que precisamos permanecer de cabeça erguida: o ano ainda não acabou. Ninguém disse que seria fácil, e o caminho ainda está ali, chamando, a apenas alguns passos da felicidade. Seis, para ser mais preciso. A Copa do Brasil acabou para nós, mas a Libertadores está mais viva do que nunca.

Não podemos permitir que essa derrota nos abale. Honrando nossas cores e fazendo valer nossas músicas, o apoio precisa ser incondicional daqui até o final. Precisamos seguir em frente, ainda que doa muito essa eliminação. Usemos o golpe, então, como combustível. A América nos espera sorrindo.

 

Fonte:http://espnfc.espn.uol.com.br/botafogo/preto-no-branco/16181-flamengo-1-0-botafogo-seguir-em-frente-ainda-que-doa

Fadiga, confusão mental e perda da visão podem ser sinais de esclerose múltipla

Dificuldade de caminhar, formigamento, dormência são sinais da esclerose múltipla

Dificuldade de caminhar, formigamento, dormência, fadiga, confusão mental e perda gradativa da visão são apenas alguns sinais da esclerose múltipla — que tornam um desafio as tarefas normais do dia a dia. A doença, que ainda não tem cura, afeta cerca de 3 milhões pelo mundo, 40 mil no Brasil.

A esclerose múltipla é uma doença autoimune, crônica e inflamatória que afeta o sistema nervoso central. Os sintomas começam a aparecer, principalmente, entre os 20 e os 40 anos, e as mulheres sofrem com frequência duas vezes maior do que homens.

A doença pode ser desencadeada por uma combinação de fatores genéticos e ambientais, fazendo com que o sistema imunológico do paciente comece a atacar a mielina (uma espécie de capa que protege suas células nervosas), interrompendo o fluxo de informação ao longo dos nervos. Por isso, o diagnóstico precoce é essencial para que minimizar os efeitos da doença, explica Denis Bernardi Bichuetti, professor adjunto da disciplina de neurologia da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo).

— No começo, os sintomas vão e voltam. E nem todos os pacientes sentem todos os sintomas. Sem tratamento, um paciente leva cerca de 20 anos para precisar usar uma bengala. Já se conseguir bloquear a doença antes dos sintomas de perda de mobilidade, como mancar, a pessoa pode ter uma vida normal.

 

Fonte:http://noticias.r7.com/saude/fadiga-confusao-mental-e-perda-da-visao-podem-ser-sinais-de-esclerose-multipla-24082017

“Quero viver”, diz mulher que vai ao banheiro 18 vezes por dia por causa de bactéria; ela pede ajuda

A nutricionista Daniela Costa, de 32 anos, está internada em um hospital de Salvador há mais de 15 dias para tratar de uma bactéria, e busca ajuda para pagar o tratamento, que inclui medicamentos que custam cerca de R$ 4 mil por mês.

Ela diz que é a quarta vez que contrai a bactéria “clostridium difficile” em intervalo de cerca de dois meses, por conta do uso de antibióticos para tratar outras doenças que ela teve: infecção urinária e pneumonia.

Os sintomas da infecção causada pela bactéria incluem uma forte diarreia, que tem deixado a jovem muito fraca. “Eu vou 18 vezes ao banheiro por dia. Tenho sangue nas fezes, muita dor abdominal e fraqueza. Não dá vontade de comer, fico enjoada”, relata.

A nutricionista diz que a família encontra dificuldades para arcar com os custos das medicações, porque ela está desempregada e vive com ajuda da renda da mãe, que também tem outra filha que está sem emprego. “A gente estava sem saber o que fazer, pensei em deixar de tratar. Eu só estou pedindo porque eu quero viver”, conta a jovem.

No hospital, ela conta que está em um ambiente de isolamento. Ela faz uso de duas medicações, metronidazol e vancomicina, para tratar a bactéria. “A infectologista disse que está perto de terminar o ciclo de antibióticos e vai repetir exames para saber se eliminou a bactéria”, afirma Daniela.

Jovem está internada em hospital particular de Salvador para tratar bactéria (Foto: Arquivo Pessoal/ Daniela Costa)

A jovem diz que conseguiu doações de outras medicações e suplementos alimentares de que faz uso: vitamina D, Pantoprazol e Vonau. Mas a nutricionista fala que precisa ainda custear a medicação Creon – para atenuar a diarreia e aumentar a absorção de nutrientes – além do suplemento alimentar Modulen. São essas as medicações que custam em torno de R$ 4 mil por mês.

Quem quiser ajudar pode entrar em contato com a jovem por meio do número (71) 99134-5814.

Com informações do G1

Fonte: http://www.simoesfilhoonline.com.br/quero-viver-diz-mulher-que-vai-ao-banheiro-18-vezes-por-dia-por-causa-de-bacteria-ela-pede-ajuda/

Ministro faz promessas à bancada do RN sobre transposição e barragem Oiticica

Por proposição da senadora Fátima Bezerra (PT), o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), participou hoje de audiência pública na Comissão de Desenvolvimento Regional, para discutir sobre a transposição do São Francisco.

Os três senadores potiguares estiveram presentes: Fátima, José Agripino Maia (DEM) e Garibaldi Filho (PMDB).

Da bancada na Câmara, ausência apenas dos deputados Rogério Marinho (PSDB) e Walter Alves (PMDB).

O ministro garantiu aos parlamentares do Rio Grande do Norte, Ceará e Paraíba, que até janeiro as águas do São Francisco chegarão ao município cearense de Jati, e logo depois à Paraíba e Rio Grande do Norte.

Sobre o Ramal Apodi, o ministro afirmou que o Ministério incluiu 370 milhões de reais no Orçamento do próximo ano, mas reiterou a necessidade de 1 bilhões para a conclusão das obras.

A senadora Fátima Bezerra afirmou levantou o debate sobre a apresentação de emendas de bancada e emendas individuais ao Orçamento do próximo ano, para garantir a chegada das águas ao RN.

O ministro também prometeu para até 2019, a conclusão das obras da barragem Oiticica, na região Seridó.

Além dos 3 senadores e dos deputados Zenaide Maia (PR), Fábio Faria (PSD), Felipe Maia (DEM), Rafael Motta (PSB), Beto Rosado (PP) e Antônio Jácome (Podemos), também estiveram presentes a deputada estadual Larissa Rosado (PSB), e vereadores de Macau e Mossoró, como a ex-deputada federal Sandra Rosado (PSB) e a presidente da Câmara de Mossoró, Isabel Montenegro (PMDB).

 

Thaisa Galvão

Câmara retira de PEC porcentagem de recursos para fundo eleitoral

cédulas de reais
Dinheiro: o dispositivo foi retirado do texto por 441 votos a 1 (Vinicius Tupinamba/Thinkstock)

Brasília – A Câmara dos Deputados decidiu nesta quarta-feira retirar do texto da PEC que cria um fundo de financiamento eleitoral o dispositivo que determinava a percentagem da Receita Corrente Líquida a ser destinada às campanhas.

Segundo deputados que defendiam a supressão desta parte do texto, a definição do montante do fundo ficará a cargo da Comissão Mista de Orçamento (CMO).

O dispositivo foi retirado do texto por 441 votos a 1.

Este foi o primeiro ponto da polêmica PEC a ser analisado pela Câmara dos Deputados, após muitos embates, divergências e adiamentos.

Deputados ainda devem debater o sistema eleitoral a ser adotado nas próximas eleições, e outros temas como a reeleição e as datas de eleição e posse.

 

Fonte:http://exame.abril.com.br/brasil/camara-retira-de-pec-percentagem-de-recursos-para-fundo-eleitoral/