Archive for agosto 8th, 2017

Cientistas descobrem em quais momentos do sono o aprendizado é possível

Resultado de imagem para sono
Foto: Da Internet

Um estudo realizado por neurocientistas franceses demonstra que uma pessoa pode aprender mesmo enquanto dorme, mas isso é possível apenas em determinadas fases do sono. Liderada por Thomas Andrillon, da École Normale Supérieure, em Paris (França), a pesquisa teve seus resultados publicados nesta terça-feira, 8, na revista “Nature Communications”.

Pesquisas anteriores tinham resultados contraditórios. Enquanto algumas indicavam que é possível aprender durante o sono, outras sugeriam que o cérebro não forma novas memórias enquanto a pessoa dorme. De acordo com os autores, os resultados do novo estudo explicam a contradição: o aprendizado acontece, mas apenas em determinados estágios do sono.

Segundo os pesquisadores, o sono se divide em diversos estágios. O sono REM (movimento ocular rápido, na sigla em inglês), é um sono profundo que ocorre com mais frequência na segunda metade da noite de sono e se caracteriza por uma atividade cerebral rápida, pela ocorrência de sonhos e um por relaxamento total do corpo. Nos outros estágios, conhecidos como sono não-REM, a profundidade do sono varia, a atividade cerebral é lenta e há uma restauração da mente e do corpo.

De acordo com o novo estudo, o cérebro consegue reter memórias novas durante as fases de sono REM e de sono não-REM leve. Mas, no estado de sono não-REM profundo, a capacidade de aprender informação nova e de reter as memórias é suprimida.

Andrillon explicou que as discrepâncias nos estudos anteriores têm relação com o fato de que diferentes estágios do sono são caracterizados por diferentes tipos de atividade cerebral. Isso explicaria por que em outros experimentos as pessoas às vezes conseguiam aprender durante o sono e, às vezes, não.

Para testar essa hipótese, os cientistas mediram a atividade cerebral de voluntários durante o sono. Enquanto os participantes dormiam, ouviam diferentes sequências de sons. Assim que acordavam, eles passavam por um teste para avaliar sua capacidade para reconhecer os sons que haviam ouvido durante o sono.

Ouvir as sequências durante o sono REM melhorava a performance dos voluntários na tarefa, enquanto ouvi-las durante o sono não-REM reduzia o desempenho. Analisando as respostas dos indivíduos aos sons tocados durante o sono, os autores confirmaram o efeito de aprendizado no sono REM.

No sono não-REM, eles observaram uma clara distinção entre os estágios mais leves – durante os quais ainda era possível aprender – e os estágios mais profundos, durante os quais o aprendizado foi suprimido.

De acordo com Andrillon, os resultados não apenas mostram que é possível aprender durante o sono, mas ajudam a compreender os processos de memorização em geral – e como eles podem mudar durante diferentes estágios do sono.

 

Fonte: http://www.atribuna.com.br/noticias/noticias-detalhe/atualidades/cientistas-descobrem-em-quais-momentos-do-sono-o-aprendizado-e-possivel/?cHash=0074a792448bd1217a6284ff3a71a365

Projeto de inclusão social da Assembleia recebe novos servidores

Dando continuidade ao projeto de inclusão social de pessoas com deficiência, a Assembleia Legislativa recebe novos servidores nesta terça-feira (8). Camila de Lima e Stives Luiz da Silva, juntamente com Felipe Medeiros, que já fazia parte do quadro da Casa, vão atuar no setor de Cerimonial e no auxílio às funções do plenário durante as sessões do Legislativo Estadual.

“Essa é a forma que a Assembleia Legislativa encontrou para oportunizar esses jovens a trabalharem na Casa, proporcionando um momento de interação junto aos funcionários e deputados. O projeto é um marco no país em favor da inclusão social de pessoas com deficiência”, avalia o presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB).

O projeto, que teve início em 2011, é pioneiro no Brasil e serviu de modelo para a Câmara Federal. A iniciativa é desenvolvida através de convênio, renovado anualmente, com a Associação de Pais e Pessoas com Deficiência, de Funcionários do Banco do Brasil e da Comunidade (APABB). Os servidores recém chegados à Casa substituem Manuela Nely e Kalina Santos, portadoras de síndrome de Down e que agora dão espaço aos novos integrantes do projeto.

No Cerimonial, a atividade desempenhada consiste em organizar os convites que são emitidos para eventos como sessões solenes e audiências públicas. Como assistentes de plenário, são responsáveis por colher assinaturas de deputados para projetos e processos em tramitação. O horário de expediente programado é das 8 às 13 horas.

A chefe do Cerimonial, Gevaneide Pereira, define o convívio diário com os servidores especiais. “Engrandecem o setor e nos trazem companheirismo. Com eles, recebemos lições de vida e aprendizados diários. Desenvolvem toda e qualquer tarefa com amor, alegria e bom humor”, afirma ela.

A assistente social da APABB, Alexsandra Romualdo, explica que o projeto visa à capacitação e inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. “É uma iniciativa que busca trabalhar a qualidade de vida, a inclusão e a autonomia dessas pessoas, mostrando que muito mais que limitações, eles têm potencialidades”, destaca a assistente.

De acordo com Alexsandra, a parceria com Assembleia traz agora uma inovação: a inclusão de uma pessoa com múltiplas deficiências, como é o caso de Camila Lima. “Até então o trabalho na Casa Legislativa contemplava apenas jovens com síndrome de Down. Desta vez, estamos inserindo também uma pessoa com deficiências múltiplas, ou seja, deficiência física e intelectual”, explica ela.

Lula sofre sua primeira derrota no Nordeste, nas urnas, após condenação

Lula gravou vídeo para pedir votos para candidato do PT em cidade no interior do Piauí
Reprodução: Lula gravou vídeo para pedir votos para candidato do PT em cidade no interior do Piauí 

ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva  foi derrotado em seu primeiro ‘teste’ nas urnas após ser condenado na Operação Lava Jato.

Lula gravou vídeo para a campanha do candidato do PT a prefeito de Miguel Leão, pequena cidade do interior do Piauí que teve eleição suplementar realizada no domingo (6). Mesmo com o apoio do principal nome da história de seu partido, o candidato Jailson acabou derrotado por Robertinho, canditato do PR que foi apadrinhado na disputa pelo senador Ciro Nogueira (PP).

O ex-presidente disse no curto vídeo de um minuto de duração que “Jailson é do PT e o PT sabe governar o Brasil e sabe governar Miguel Leão”.

A diferença entre os dois candidatos foi de apenas 38 votos: o vencedor foi escolhido por 663 eleitores, enquanto o petista conquistou o apoio de 625. Houve ainda 27 votos nulo, cinco votos em branco e 154 abstenções na cidade, que soma apenas 1.474 eleitores.

A nova eleição na cidade foi convocada após o então prefeito, Joel de Lima (PSD), ter o mandato cassado ao ser condenado por abuso de poder político e econômico. A irregularidade se deu quando Joel, candidato à reeleição, participou da inauguração de um centro de idosos e de um estádio de futebol antes de ser permitida a divulgação de campanhas.

Jailson, o candidato apoiado por Lula, era o vice de Joel de Lima e também teve o mandato cassado. Ele pôde concorrer na eleição suplementar contra Robertinho porque a Justiça Eleitorial piauiense não o tornou inelegível apesar da cassação.

Tour de Lula pelo Nordeste

O revés na eleição de Miguel Leão foi o primeiro teste de popularidade do ex-presidente Lula nas urnas após ele ser condenado a 9 anos e 6 meses de prisão  pelo caso tríplex na Operação Lava Jato.

Para recuperar seu prestígio no Nordeste, Lula já anunciou que irá realizar uma caravana pela região a partir da semana que vem. A viagem do ex-presidente pelos estados nordestinos será iniciada na próxima quinta-feira (17), em Salvador (BA), e deve ser encerrada apenas no dia 5 de setembro em São Luís (MA).

 

Fonte: Último Segundo – iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-08-08/lula.html

Projeto de Lei que trata do aleitamento materno é aprovado na CCJ

Projeto de Lei de autoria do deputado Hermano Morais (PMDB), aprovado nesta terça-feira (8), na reunião da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), assegura à criança o direito ao aleitamento materno nos estabelecimentos de uso coletivo, público ou privado, em todo o Estado.

De acordo com o Projeto, independentemente da existência de áreas segregadas para o aleitamento, a amamentação é o ato livre e discricionário entre mãe e filho.

“Essa matéria é muito importante porque o aleitamento traz muitos benefícios para a criança, que mama até de hora em hora. Então não se pode proibir que a mãe amamente seu bebê na hora em que ele sente fome, seja em qualquer lugar. Inclusive, o projeto determina multa para quem proibir a amamentação em qualquer lugar”, argumenta a relatora da matéria e presidente da CCJ, deputada Márcia Maia (PSDB).

O leite materno é um alimento completo e ideal para a criança, uma vez que contém todos os nutrientes em quantidades adequadas, proporcionando crescimento e sendo de fácil digestão, fornece água para hidratação, protege contra infecções e alergias e propicia menos problemas ortodônticos e fonoaudiólogos.
A infração ao disposto no Projeto de Lei acarreta ao infrator a aplicação de multa no valor de R$ 500,00, duplicada em caso de reincidência.

Além da matéria aprovada, outra foi votada e considerada inconstitucional: o Projeto de Lei de autoria do deputado Carlos Augusto Maia (PSD), que trata da obrigatoriedade dos notários das serventias extrajudiciais incluirem nas escrituras públicas o nome e a inscrição do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI) de pessoas física ou jurídica. Por não concordar com o parecer do relator, deputado Kelps Lima (Solidariedade), o autor do Projeto ingressou recurso ao plenário da Assembleia Legislativa.

Participaram da reunião os deputados Márcia Maia, Kelps Lima, Carlos Augusto e Albert Dickson (PROS). Ainda na reunião foram distribuídas outras 12 matérias para os relatores.

Ezequiel Ferreira solicita a Sesed ações de Segurança para Tenente Laurentino

Os moradores do pacato município de Tenente Laurentino, distante 229 quilômetros de Natal, estão assustados com o crescimento de ocorrências criminais nas últimas semanas. E, através da prefeita da cidade, Sueleide de Morais Araújo, buscaram apoio do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSBD), para que a Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesed) reforce as atividades de combate à criminalidade na região.

O deputado Ezequiel Ferreira vai buscar a intervenção da Sesed para que sejam adotadas ações de segurança no município, da região Seridó, inclusive com aumento de efetivo e melhores condições de atuação das forças policiais. “Estou triste com o que está acontecendo em Tenente Laurentino. Uma cidade que era tão calma, agora todos os dias é um roubo, assalto, furto, crimes que a comunidade não convivia com tanta frequência”, lamentou Ezequiel Ferreira.

A cidade de Tenente Laurentino é formada por muitos distritos e reúne perto de 6 mil moradores. A rotina do município de vocação agropecuária tem sido constantemente modificada pela onda de violência. “Tenente tem sofrido com o descaso em relação a presença de policiais. O povo quer ver e ouvir mobilizações como as do deputado Ezequiel Ferreira em nome dos moradores de Tenente. Temos que agir como cidadãos conscientes e assumir nossa responsabilidade em nome da segurança pública”, comentou a prefeita Sueleide de Morais Araújo.

 

Assessoria

HONESTIDADE: Mulher acha dinheiro enrolado em fatura; invés de ficar com o dinheiro, paga a conta

A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up
Reprodução do facebook

“Não acho que é uma coisa de outro mundo, só fiz o que devia ter feito”. A declaração é da telefonista Silviane Cunha, que, na última quinta-feira (3), encontrou R$ 600 enrolados em uma fatura de cartão de crédito em um ônibus de João Pessoa. Depois de perceber que o valor era suficiente, ela efetuou o pagamento logo no dia seguinte e ainda guardou o troco para devolver à dona.

Depois de fazer o pagamento, Silviane publicou a história nas redes sociais, para tentar localizar a dona do dinheiro. A publicação, ao contrário do que ela esperava, ganhou repercussão e, até as 21h desta segunda-feira (7), já teve mais de 9 mil compartilhamentos e 7 mil reações.

Após pagar conta, Silviane publicou a história em rede social (Foto: Reprodução/Facebook/Silviane Cunha)
Após pagar conta, Silviane publicou a história em rede social (Foto: Reprodução/Facebook/Silviane Cunha)

“Não esperava tanta repercussão. Mas, pelo que vi nos comentários e compartilhamentos, isso é uma coisa rara. Mas eu só fiz o que era justo. Quando a gente acha o que não é da gente, não vai fazer diferença, mas vai fazer falta a quem perdeu”, explicou.

O caso aconteceu em um ônibus da linha 5100. Silviane pegou o ônibus no Valentina, para ir ao trabalho. Dentro do veículo, ela mudou de lugar, porque estava no sol, e sentou no banco de onde a vendedora Claudineia Santos havia saído há poucos minutos. Lá, ela encontrou o dinheiro.

Fonte: http://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/nao-e-de-outro-mundo-diz-mulher-que-achou-r-600-enrolado-em-fatura-e-pagou-a-conta-na-pb.ghtml

Doceira acusada de entregar brigadeiro envenenado é condenada a 30 anos de prisão

Foto: Reprodução da Internet

A doceira Margareth Aparecida Marcondes foi condenada na madrugada de terça-feira (8) a 30 anos e três meses de prisão em regime inicial fechado por quatro tentativas de homicídio pelo envio de bombons envenenados a adolescentes de Curitiba em 2012. O julgamento começou por volta das 13h de segunda-feira (7) e encerrou por volta das 2h desta terça (8). Logo após o crime, Margareth foi denunciada.

Conforme a decisão do 1.º Tribunal do Júri de Curitiba, Margareth poderá recorrer em liberdade, mas está proibida de se aproximar das vítimas. Ela também deve comprovar endereço e atividade lícita à Justiça a cada três meses e não pode se ausentar da comarca em que reside sem autorização.

O crime aconteceu na tarde do dia 12 de março de 2012, quando Margareth mandou um taxista entregar os doces na casa da família de uma adolescente à época com 14 anos no bairro Umbará. A menina ficou internada oito dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Clínicas (HC) e teve duas paradas cardíacas. A encomenda foi enviada com um bilhete que dizia para ela provar os doces.

Outros três adolescentes também experimentaram os bombons e foram encaminhados para hospitais com intoxicação alimentar.

Margareth foi identificada pela polícia nas imagens do circuito de segurança de um shopping de Curitiba, onde foi vista deixando a caixa de brigadeiros com o taxista, no bairro Capão Raso. Os policiais a prenderam na madrugada do dia 31 de março enquanto dormia em seu carro na praia de Barra Velha, em Santa Catarina.

 O julgamento começou por volta das 13h de segunda-feira (7) e encerrou por volta das 2h desta terça (8). Foto: Átila Alberti.

O julgamento começou por volta das 13h de segunda-feira (7) e encerrou por volta das 2h desta terça (8). Foto: Átila Alberti.

Durante as investigações, a empresária chegou a confessar o crime à Divisão de Investigações Criminais (DIC) de Joinville. No entanto, o advogado de defesa, Luiz Cláudio Falarz, afirmou durante o processo que a cliente estava fora de si na fase do inquérito policial. Segundo o defensor, a doceira estava acostumada a preparar quitutes para eventos de toda a família e não teria motivo para praticar o crime. Por isso, durante toda a fase de instrução penal, Margareth negou sua participação na tentativa de homicídio.

Ao G1, a mãe da jovem, Minéia Cristina Machado Teminski, comentou a sentença. “Foram dias muito difíceis, mas, graças a Deus, a Justiça foi feita. Justa a pena porque não foi pouco o que ela fez. Nós sofremos muito e estamos sofrendo até hoje. Não foi nada fácil o que nós passamos”, disse.

 

Fonte:http://www.tribunapr.com.br/noticias/seguranca/doceira-acusada-de-entregar-brigadeiro-envenenado-e-condenada-30-anos-de-prisao/

Mais três são executados no RN; dois eram irmãos

Três pessoas foram assassinadas a tiros na noite desta segunda-feira (7) no conjunto Barretão, na cidade de Ceará-Mirim, na Grande Natal. Entre as vítimas estão dois irmãos, um de 15 e outro de 16 anos.

Delegado da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Sérgio Freitas disse ao G1 que um grupo de homens encapuzados chegou de carro e moto na rua Abílio Marinho por volta das 22h30, onde moravam os irmãos Adson Bernardo Oliveira e Allan Lucas Bernardo Oliveira.

Um dos irmãos estava do lado de fora acompanhado de Jackson Marcelo da Silva Faustino, de 19 anos. Eles foram obrigados a entrar no imóvel, onde os três foram executados. Uma mulher que também estava na casa foi trancada dentro do banheiro, mas não foi ferida.

Leia mais no Link http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/casas-sao-invadidas-e-tres-jovens-mortos-a-tiros-em-ceara-mirim-rn.ghtml

Mulher é encontrada morta e ex-marido diz que iria pular da ponte Newton Navarro

Uma mulher foi encontrada morta na madrugada desta terça (8) dentro da casa onde morava em Parnamirim, na Grande Natal. O corpo de Rosemere Ferreira da Costa Silva, de 25 anos, apresentava sinais de espancamento. Segundo a polícia, o ex-marido dela é o principal suspeito do crime e está desaparecido.

De acordo com informações da polícia, o ex-marido de Rosemere, Joseilton Djalma da Silva, de 33 anos, teria ligado para uma amiga dela e contado que matou a ex-mulher e que iria cometer suicídio se jogando da ponte Newton Navarro. A polícia foi acionada e encontrou Rosemere morta dentro de casa.

O carro do suspeito foi encontrado abandonado na ponte Newton Navarro, no sentido Praia do Forte / Redinha, com a chave na ignição, som e pisca alerta ligados. Não havia nenhuma pessoa nas proximidades do veículo. O carro foi levado para a Central de Flagrantes, no bairro Cidade da esperança, em Natal.

O Corpo de Bombeiros faz buscas pelo corpo de Josenilton.

Fonte:http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/mulher-e-encontrada-morta-dentro-de-casa-na-grande-natal-ex-marido-e-suspeito.ghtml